Artigo – Como um livro pode alavancar a carreira de um médico

445

Há diversas ações que contribuem para que um profissional obtenha maior notoriedade no mercado, mas uma em especial pode o levar a outro patamar em sua carreira: lançar um livro.

No caso da carreira médica, escrever uma obra pode ser uma boa forma do profissional dividir com o maior número de pessoas sua expertise, conhecimentos e prática em determinado assunto ou área da saúde.

O médico pode lançar um livro que traga dicas e orientações para o grande público, assim como o faz em consultório com seus pacientes, esclarecendo um determinado tema e sugerindo ações concretas para que os leitores se mantenham saudáveis no dia a dia. A publicação desta obra pode ajudar na carreira de seu autor de várias formas: ele passa a receber convites para entrevistas em jornais, revistas, rádios, blogues, sites e etc; leitores que conheceram seu trabalho por meio do livro podem vir a se tornar pacientes; é requisitado para palestras.

Outra opção seria os médicos escreverem livros técnicos sobre suas áreas de especialidade. Neste caso o conteúdo destas obras teria como público-alvo os estudantes de graduação em medicina ou profissionais em início de carreira. Livros técnicos tendem a abrir portas para que seus escritores sejam convidados para participar de congressos e ministrar aulas e palestras.

Sugiro que você, médico e futuro escritor, inspire-se nos exemplos a seguir:

Como Book Advisor, tive a honra de assessorar o Prof. Dr. Marcelo Rabahi em seu livro ‘A Meta da Humanização: do Atendimento à Gestão na Saúde’. A obra mostra que a relação médico-paciente precisa ser repensada pelos médicos e discute a importância deles praticarem um atendimento humanizado, acolhedor e atencioso com seus pacientes. É um perfil de livro mais técnico, sendo voltada para estudantes, professores de medicina e médicos em geral.

Drauzio Varella, médico oncologista e escritor brasileiro de ficção e não ficção. Ele lançou o livro Borboletas da Alma: escritos sobre ciência e saúde em que esclarece os segredos da vida mental de forma acessível até para os leigos no assunto.

Escreveu também ‘Correr: o exercício, a cidade e o desafio da maratona’, no qual aborda o prazer da corrida e seus benefícios.

A medicina ainda causa fascínio em muita gente, o médico e autor Atul Gawande escreveu um livro que aborda uma questão complicada, mas que faz parte do dia a dia de muitos médicos, a morte. Falando de maneira direta e franca sobre a nossa própria finitude, a obra ‘Mortais’ ficou em primeiro lugar na lista de mais vendidos do New York Times.

Outra obra importante escrita por um médico é a ‘Lugar de médico é na cozinha: Cura e saúde pela alimentação viva’. No livro o Dr. Alberto Peribanez Gonzalez revela que cuidar de nossa saúde de forma preventiva é muito mais simples do que imaginamos: devemos voltar nossa atenção para os alimentos da horta e do pomar, investindo tempo em prepara-los em nossas cozinhas.

Sempre digo que lançar um livro é uma das maneiras mais eficazes de materializar, de registrar, seus conhecimentos, know-how e vivências, visando agregar valor e contribuir genuinamente para o bem-estar dos leitores. Como Book advisor, e com a experiência de ter lançado mais de uma centena de livros de autoria de profissionais liberais e autônomos, posso afirmar com tranquilidade que um livro solidifica, expande e carrega a marca de seu autor. É um aliado poderoso na valorização e divulgação de sua atuação profissional!

Eduardo Villela é Book Advisor e atua, desde 2004, com escrita e publicação de livros, já lançou ao longo de sua carreira mais de 500 livros de temas variados, tanto de autores brasileiros como estrangeiros, atuando nas principais editoras do país. Hoje, como consultor independente, assessora pessoas, famílias e empresas que querem escrever e publicar livros, por meio de treinamentos e orientação personalizada. Eduardo é pioneiro na profissão no Brasil, outra novidade que ele quer trazer ao país são os livros escritos como guardiões da família, que contam as histórias de geração para geração

Deixe seu comentário