Casa de Apoio Madre Ana celebra três anos e anuncia aumento na capacidade de hospedagens

357

Local de acolhimento de crianças, adultos e idosos, a Casa de Apoio Madre Ana da Santa Casa de Misericórdia de Porto Alegre completará três anos de sua inauguração no próximo dia 20 de maio e, ao comemorar a data, o espaço terá ampliada a sua capacidade para receber hóspedes. Graças à doação de empresas parceiras, o local conta agora com 62 camas disponíveis, número que praticamente dobrou desde a sua inauguração. “Desde quando o início das operações da casa ainda era um sonho passamos a contar com pessoas e empresas que, abnegadamente, dedicaram parte de suas ações, projetos e iniciativas para o custeio deste fundamental espaço que já abrigou mais de 2.500 pessoas, entre pacientes da Santa Casa e seus familiares”, explica Dr. Fernando Lucchese, presidente do Conselho Provedor da Casa de Apoio Madre Ana. Entretanto, o espaço segue necessitando permanentemente do apoio da sociedade para a sua manutenção, que atualmente está em torno de R$ 60 mil ao mês. A comemoração dos três anos será no dia 20/05, às 10h, na Capela Sagrado Coração de Jesus, e contará com show em conjunto da Fábrica de Gaiteiros e Orquestra Jovem do Rio Grande do Sul, além de homenagem aos apoiadores do custeio do espaço.

A casa

Destinada aos pacientes que estão em tratamento de saúde na Santa Casa de Misericórdia de Porto Alegre e seus familiares, mais de 60% de seus hóspedes são de fora do Rio Grande do Sul, sendo Paraíba, Amapá e Santa Catarina os estados com maior número de hospedagens no espaço. A maioria das pessoas que contam com a Casa de Apoio Madre Ana para sua estadia na capital gaúcha durante tratamento médico são crianças em tratamento no Hospital da Criança Santo Antônio. Entre as condições de saúde mais frequentes destes pequenos pacientes são as doenças do coração, a necessidade de transplante ou de tratamento oncológico.

O prédio de quatro andares está localizado no Centro Histórico da capital gaúcha e foi doado à Santa Casa pelas Irmãs Franciscanas da Penitência e Caridade Cristã. A iniciativa foi fruto de uma ideia capitaneada pelo cirurgião cardiovascular e diretor médico dos hospitais São Francisco e da Criança Santo Antônio, Fernando Lucchese, que, ao presenciar a situação de muitos pacientes que recebia de fora de Porto Alegre e do Estado, percebeu a urgência de criar um espaço para recebê-los. “Pouquíssimos hospitais no Brasil realizam cirurgias cardíacas pediátricas e muitas crianças são enviadas aqui para a Santa Casa, por sermos um centro de referência. Nestes três anos recebemos o apoio de muitas pessoas e empresas, que são grandes parceiras para a manutenção de toda a estrutura. A comemoração dos três anos é um momento de gratidão por tudo que tem sido feito pela Casa de Apoio”, lembra Lucchese.

A estrutura da Casa de Apoio conta com brinquedoteca, cozinha, refeitório, biblioteca e capela, além dos quartos. Os hóspedes recebem, sem qualquer custo, moradia, alimentação, material de higiene e conforto espiritual. Os recursos para a manutenção de toda a estrutura são oriundos de doações de empresas e pessoas físicas.

Deixe seu comentário