I Jornada de Cirurgia de Joelho

    0
    81
    Quando:
    16/09/2017@8:00 – 17:00
    2017-09-16T08:00:00-03:00
    2017-09-16T17:00:00-03:00
    Onde:
    Hospital São Vicente de Paulo - Centro de Convenções Irmã Mathilde
    R. Dr. Satamini
    333 - Tijuca, Rio de Janeiro - RJ
    Brasil
    Custo
    Grátis
    Contato:
    (21) 2563-2147

    As novas técnicas cirúrgicas e os avanços da medicina desportiva terão destaque na programação da I Jornada de Cirurgia de Joelho do Hospital São Vicente de Paulo (HSVP), que acontece no dia 16 de setembro. O evento, que tem vagas limitadas e é voltado para a comunidade médica, ortopedistas, especialistas em joelho e residentes, está com as inscrições abertas até o dia 10 de setembro.

    De acordo com Alfredo Villardi, subchefe do setor de Ortopedia do hospital e um dos organizadores da Jornada, as discussões vão tratar de técnicas desenvolvidas para atender os problemas de joelho que acometem a população, e, em especial, os atletas. “Posso afirmar que a maior concentração de temas controversos, novas indicações e técnicas, está na discussão acerca da medicina desportiva”, garante Villardi, que é membro das Câmaras Técnicas de Medicina Desportiva e de Ortopedia e Traumatologia do Conselho Regional de Medicina do Estado do Rio de Janeiro (CREMERJ).

    Para debater temas como o tratamento das lesões meniscais; indicações e limites para sutura; lesões ligamentares do joelho; pivot residual pós reconstrução do LCA (ligamento cruzado anterior); os ‘cantos do joelho’ e lesão isolada do LCP (ligamento cruzado posterior), a Jornada contará com renomados palestrantes. Entre eles, Marco Antônio Percope, ex-presidente da Sociedade Brasileira de Cirurgia de Joelho, e André Padrinelli, chefe do Instituto de Ortopedia e Traumatologia da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (USP).

    A jornada vai abordar ainda as lesões condrais, lesões traumáticas da cartilagem e o tratamento. Os especialistas também falarão sobre o joelho degenerativo, abordando artrose no paciente jovem; osteotomias tibiais; artroplastias unicompartimental e total do joelho; deformidades extra-articulares em artroplastia total do joelho (ATJ); manejo dos defeitos ósseos e situações especiais de ATJ.

    O organizador salienta que as principais discussões serão em torno das novas técnicas cirúrgicas, que representam uma quebra de paradigma. “Antes se tratava de uma forma e agora a abordagem é totalmente nova. Uma forma nova de ver antigos problemas”, diz Villardi, que é ex-presidente da Sociedade de Medicina do Exercício e do Esporte e Membro da Sociedade Brasileira de Cirurgia do Joelho. Segundo o ortopedista, graças aos novos tratamentos de alta complexidade, é possível preservar muito mais as estruturas e aumentar a longevidade das articulações. “Consequentemente, conseguimos que os pacientes tenham menos artrose, menos degeneração das articulações”, ressalta.

    De acordo com Alfredo Villardi, o evento é uma importante oportunidade para promover um intercâmbio entre profissionais experientes e jovens médicos.

    Deixe seu comentário

    LEAVE A REPLY

    Please enter your comment!
    Please enter your name here