IV Simpósio Internacional de Tumores Gastrointestinais

    295
    Quando:
    16/03/2018 – 17/03/2018 dia inteiro
    2018-03-16T00:00:00-03:00
    2018-03-18T00:00:00-03:00
    Onde:
    Sheraton São Paulo WTC Hotel
    Av. das Nações Unidas
    12559 - Brooklin Novo, São Paulo - SP, 04578-903
    Brasil
    Contato:
    (11) 3888-2236

    Nos dias 16 e 17 de março, acontece em São Paulo (SP) o IV Simpósio Internacional de Tumores Gastrointestinais. Renomados especialistas do Brasil e de países como Estados Unidos e Itália, estarão reunidos para debater os mais recentes avanços em diagnóstico e tratamento de tumores gastrointestinais.

    Na programação, destaque para a plenária Câncer do Cólon e Reto III, doença metastática, coordenada pelo Dr. Arnaldo Urbano Ruiz, cirurgião oncológico, coordenador do Centro de Carcinomatose Peritoneal do Hospital Beneficência Portuguesa de São Paulo.

    No debate, a carcinomatose peritoneal de sitio primário coloretal, que é caracterizada pela disseminação intra-abdominal de um câncer, que sai de seu órgão de origem e se espalha pelo peritônio, membrana de revestimento interno do abdome. A carcinomatose peritoneal requer especialistas capacitados e hospitais de referência para oferecer melhor prognóstico aos pacientes.

    De acordo com o Dr. Arnaldo, até o advento da cirurgia citorredutora e da quimioterapia hipertérmica, não havia qualquer expectativa de cura ou melhora de sobrevida.

    “Com o advento da cirurgia denominada peritoniectomia e técnica de quimioterapia quente no abdômen no intra-operatório, chamada quimioterapia intraperitoneal hipertérmica (HIPEC), alguns pacientes chegam à cura da carcinomatose. Outros, são beneficiados com sobrevidas mais  longas”, afirma.

    Para obter estes resultados, o tratamento requer médicos com ampla experiência em cirurgia de carcinomatose e hospitais de referência, com excelente infraestrutura de UTI.

    “São cirurgias de alta complexidade, que só podem ser realizadas em centros com experiência neste procedimento. A utilização de quimioterapia intraperitoneal hipertérmica (HIPEC) também é muito importante na grande maioria dos casos”, afirma o especialista.

    Plenária Câncer do Cólon e Reto III, doença metastática

    Dr. Arnaldo Urbano Ruiz

    Data: 17 de março

    Horário: 15h10 às 16h50

    Deixe seu comentário