Eventos

Calendário de eventos

dez
10
seg
2018
I Simpósio de Asma e Asma Grave @Meliá Paulista
dez 10@13:30 – 18:30

Inspire devagar, puxe lentamente o ar para seu corpo e expire. Esta ação, muitas vezes simples para alguns, pode ser difícil para pessoas com asma ou asma grave, doença que atinge 6,4 milhões de brasileiros com mais de 18 anos e mata até três por dia, segundo dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Com o intuito de estimular o tratamento e conhecimento sobre a doença, acontece dia 10 de dezembro, o I Simpósio de Asma e Asma Grave, em São Paulo (SP).

A temática do encontro é a inspiração de sonhos, mesmo com as possíveis limitações que a Asma Grave pode impor. A qualidade de vida de quem enfrenta a asma pode ser prejudicada devido aos sintomas como cansaço, falta de ar, taquicardia, dor no peito e nas costas, febre, tosse, manchas e inchaço. Porém, estes pacientes, se tratados, podem sorrir, correr e sonhar. Para Gustavo San Martin, da Crônicos do Dia a Dia (CDD), que promove o evento, esse encontro é uma oportunidade de falar sobre uma doença que passa desapercebida em sua gravidade. “A asma grave não é a mesma coisa da asma que estamos acostumados. É bastante complicada e desconhecida. Precisamos abordar o tema e apresentar as soluções que auxiliem na qualidade de vida dos pacientes”.

O renomado médico Drauzio Varella comanda um talk show com participação de especialistas, como o médico pneumologista Rafael Stelmach, e a pediatra e vice-presidente da Associação Brasileira de Asma (ABRA), Zuleid Dantas Linhares Mattar, além da participação de pacientes e cuidadores. Para embalar a conversa, a diretora artística Renata Quintella realiza a intervenção “O que posso fazer por você agora”, onde o planejamento para a concretização de seus desejos é o objetivo principal.

Todo o evento, que contará com miniaulas, exibição de filmes e palestras, será mediado pelo jornalista e editor-chefe da Revista Saúde, Théo Ruprecht.

dez
12
qua
2018
Decisões na Saúde – Cuidados Paliativos e Nat-Jus: Iniciativas da Medicina e do Direito que geram segurança ao paciente e sustentabilidade ao sistema @Hotel Tivoli Mofarrej
dez 12@8:30 – 12:00

O Instituto de Estudos de Saúde Suplementar (IESS) promove em 12 de dezembro o Seminário “Decisões na Saúde – Cuidados Paliativos e Nat-Jus: Iniciativas da Medicina e do Direito que geram segurança ao paciente e sustentabilidade ao sistema”, em São Paulo (SP). O evento irá reunir especialistas para debater os desafios e oportunidades do setor, além de apresentar os vencedores da mais importante premiação de produção acadêmica do setor, o VIII Prêmio IESS de Produção Científica em Saúde Suplementar.

“Mais do que apresentar os trabalhos que irão contribuir com o desenvolvimento do segmento no país, temos um dever de trazer palestras de qualidade para o público que frequenta nossos eventos”, aponta Luiz Augusto Carneiro, superintendente executivo do IESS. “Para esse ano, trouxemos dois temas de grande importância para o futuro: a Judicialização da Saúde e a experiência dos NAT-JUS e os cuidados paliativos, cada vez mais necessários frente ao envelhecimento da população e o avanço das doenças crônicas”, argumenta.

Para tanto, o evento contará com a participação da Dra. Luciana da Veiga Oliveira, coordenadora do Comitê Executivo da Saúde do NAT-JUS do Tribunal de Justiça do Estado do Paraná (TJPR), que irá contar sua experiência na palestra “O papel do Núcleo de Apoio Técnico na tomada de decisões do Poder Judiciário em controvérsias do setor de saúde”. Já a palestra “Cuidados paliativos e dignidade humana na era da máxima tecnologia na saúde”, apresentada pelo Dr. Daniel Neves Forte, presidente da Academia Nacional de Cuidados Paliativos e um dos mais renomados pesquisadores do tema, irá mostrar como a especialidade visa colocar em prática um conjunto de ações que buscam a qualidade de vida dos pacientes.

Além das apresentações, o evento também contará com a revelação dos vencedores do VIII Prêmio IESS de Produção Científica em Saúde Suplementar. Para este ano, a cerimônia de entrega também terá espaço para exibição de pôsteres de trabalhos acadêmicos. Segundo Carneiro, o Prêmio IESS é uma importante colaboração para uma melhor compreensão desse mercado. “As três categorias formam o tripé de sustentabilidade desse mercado, com trabalhos nas áreas de Promoção da Saúde, Qualidade de Vida e Gestão da Saúde, Economia e Direito”, comenta. “Importante lembrar que a Lei 9656 (dos Planos de Saúde) completou 20 anos em 2018. O que torna o momento propício para uma análise retrospectiva do que o setor alcançou até aqui, dos avanços e conquistas, mas principalmente dos seus desafios”, conclui.

As vagas são limitadas.

jan
28
seg
2019
2º Curso de Imersão em Diabetes Tipo 1- Educação e Manejo do Diabetes Tipo 1 da teoria à prática @Acampamento Nosso Recanto
jan 28 – fev 3 dia inteiro

O Educando Educadores (EE), uma parceria entre a Sociedade Brasileira de Diabetes (SBD) e a ADJ Diabetes Brasil, com apoio da Federação Internacional de Diabetes das Regiões Sul e Central da América – IDF SACA, inicia as inscrições para o 2º Curso de Imersão em Diabetes Tipo 1- Educação e Manejo do Diabetes Tipo 1 da teoria à prática.

Esta oportunidade ESPECIAL, para profissionais de Saúde que trabalham com pessoas com diabetes tipo 1, ocorrerá entre os dias 28 de janeiro e 3 de fevereiro, dentro do Acampamento Nosso Recanto – NR, durante a temporada de férias  para crianças e jovens com diabetes, organizada pela ADJ e pela Universidade Federal de São Paulo – UNIFESP.

O Projeto Educando Educadores, que está completando 10 anos de criação, já qualificou mais de 2.000 profissionais em Educação em Diabetes no Brasil, e contribui fortemente na mudança da história do Diabetes no Brasil.

Nesta Nova Modalidade, os alunos do Curso ficarão hospedados dentro do Acampamento e, além das aulas teóricas e oficinas práticas, serão inseridos em pequenos grupos para acompanhar situações educativas e de controle de todo o grupo de acampantes.

Oportunidade Única de aprender vivenciando situações do cotidiano de um grupo de crianças e jovens com diabetes.

jan
31
qui
2019
Novas tecnologias em Ecocardiografia Pediátrica, Strain e 3D @Instituto Lilian Lopes
jan 31 – fev 3 dia inteiro

Entre os dias 31 de janeiro e 3 de fevereiro de 2019, o Instituto Lilian Lopes, em São Paulo (SP), promove o primeiro curso teórico-prático no Brasil em Ecocardiografia Pediátrica avançada, Strain e 3D para médicos pediatras que já exercem a Ecocardiografia Pediátrica. O curso tem como objetivo aprimorar o conhecimento dos médicos para as novas tecnologias utilizadas em ferramentas de ecocardiografia tridimensional e Strain. “Os alunos recebem uma introdução teórica e prática que visam promover especialização e aprimoramento de médicos que já exercem a ecocardiografia pediátrica, conferindo suficiência para exercer a ecocardiografia pediátrica avançada através de novas tecnologias que auxiliam na detecção de anomalias cardíacas”, ressalta Dra Lilian Lopes, que ministrará o curso.

As inscrições serão realizadas até 15/01/2019 e as matrículas serão efetuadas a partir de 15/11/2018. A vaga somente será garantida após matrícula.

mar
18
seg
2019
1º Congresso Latino-Americano de Valor em Saúde (CLAVS19) @WCITY Events Center - Espaço Ballroom
mar 18 – mar 19 dia inteiro

Presidente do IBRAVS (Instituto Brasileiro de Valor em Saúde), Cesar Luiz Abicalaffe está motivado por reunir, em um único evento em São Paulo (SP), todos os stakeholders da saúde a fim de debater os conceitos do Value-based Healthcare. Ele, que vê essa metodologia como uma alternativa para garantir a sustentabilidade do sistema de saúde brasileiro, reforça que é preciso sair da teoria e iniciar, de uma vez por todas, as ações práticas.

O evento, que será realizado dias 18 e 19 de março, está sendo organizado pelo IBRAVS e conta com apoio da TM Jobs e do Business Club Healthcare.

Confira, abaixo, entrevista completa sobre o evento.

Business Club Healthcare – Qual a sua expectativa para o CLAVS19?

A expectativa é reunir todos os stakeholders da saúde para começarmos a discutir conceitos de saúde baseada em valor, ou Value-based Healthcare, para que todos fiquem ‘na mesma página’. Esperamos receber mais de 1.000 pessoas no evento para escutar experiências e necessidades nacionais e dos nossos países vizinhos, além, claro, de terem a oportunidade de ver o que está sendo feito no mundo a respeito deste tema. O CLAVS19 terá mais de 60 palestrantes, 20 deles internacionais. Será, indiscutivelmente, um dos maiores eventos de saúde que teremos em 2019.

Business Club Healthcare – Como surgiu a ideia do CLAVS?

O CLAVS será o lançamento oficial do Instituto Brasileiro de Valor em Saúde – IBRAVS no Brasil. Para isso precisávamos de um evento marcante que trouxesse todas as pessoas e empresas que estão com isso em mente, mas que, principalmente, possibilitasse e estimulasse os gestores de saúde a fazer isso na prática. Os participantes do congresso voltarão para casa com uma missão: iniciar o processo de Value-based Healthcare em suas instituições.

Business Club Healthcare – Qual a principal mensagem que o CLAVS19 deseja passar?

Que o Value-based Healthcare é a alternativa para a sustentabilidade do sistema de saúde e que é perfeitamente possível de ser aplicado, precisamos apenas começar.

Business Club Healthcare – Como, ao seu ver, a reunião de líderes proposta pelo CLAVS19 será capaz de impulsionar esse conceito?

Primeiramente pelo alinhamento dos conceitos do Value-based Healthcare e, depois, por meio de exemplos práticos de como isso pode ser feito.

A ideia é terminarmos o evento assinando um termo de compromisso dos stakeholders da saúde para aplicação do Value-based Healthcare ao longo dos próximos cinco anos. Isso norteará as ações do IBRAVS e, indiscutivelmente, será um marco para o início dessas operações de forma organizada e alinhada com os conceitos mundialmente aceitos sobre o tema.

Business Club Healthcare – O que falta para que o Brasil avance nesse conceito, transformando os sistemas de saúde?

Falta sair da teoria e começar a colocar em prática. O principal desafio observado é exatamente a mudança de um modelo, com décadas de prática, orientado para a oferta e para o paciente. Isso não será nada fácil, mas a mudança somente ocorre se começarmos a fazer. Uma frase de Walt Disney tem norteado as ações do IBRAVS: “The way to get started is to quit talking and begin doing”.

abr
4
qui
2019
Global Summit Telemedicine & Digital Health @Transamerica Expo Center
abr 4 – abr 6 dia inteiro

Especialistas internacionais como Luís Velez Lapão (Portugal), Pini Bem Elazar (Israel) e Tobias Zobel (Alemanha) já confirmaram presença no evento, que contará com palestras, conferências, painéis e outras atividades científicas, além de uma área extensa com exposição de novidades em soluções para a área.

O Global Summit Telemedicine & Digital Health é organizado pela Associação Paulista de Medicina e pelo Transamerica Expo Center.

Futuro já

A importância de ampliar o debate sobre como os avanços técnico-científicos na área médica em direção a um futuro melhor no campo da saúde é destacada pelo presidente de honra do Global Summit Telemedicine & Digital Health, José Luiz Gomes do Amaral:

“A Medicina se apoia em três pilares. O primeiro é a vontade de aliviar o sofrimento do próximo; isso se fez há 2300 anos e será igual daqui a 200 anos. Segundo, caracteriza-se pelo comportamento ético, um juramento médico perante à sociedade. Por fim, trata-se da ciência, a qual imensas modificações, que não podemos prever, se fazem constantes em uma espiral que se move em velocidade exponencial”.

Dr. Jefferson Gomes Fernandes, presidente Científico e do Conselho de Curadores do Global Summit, ressalta ser fundamental “para nós, como no mundo inteiro, ter maior acesso e resolubilidade nesses sistemas de saúde. Existe um caminho que pode contribuir de forma preponderante para isso, que são as ações e contribuições das ferramentas de Telemedicina, Telessaúde e Saúde Digital”.

Telemedicina e Telessaúde

Simultaneamente, ao do Global Summit Telemedicine & Digital Health ocorrerá a nona edição do Congresso Brasileiro de Telemedicina e Telessaúde.

“Em vez de termos um evento em abril e outro em novembro, com a mesma temática, entramos em acordo para fazer a fusão. Com isso, nós da Associação Brasileira de Telemedicina e Telessaúde entramos com o selo de uma entidade respeitada para o Global Summit. E este vem trazendo toda a logística estrutural, com ampla organização há mais de um ano”, explica o presidente da ABTms, Humberto Oliveira Serra.

Telessaúde, Saúde Digital, Inteligência Artificial, Internet das Coisas, Experiência do Paciente e Saúde, Telemedicina, Saúde Móvel, Analytics e Big Data, Promoção e Prevenção da Saúde e Aprendizado de Máquina e Legislação serão alguns dos temas abordados no GS.

“Sabemos que a Telemedicina precisa ser melhor regulamentada pelo Conselho Federal de Medicina. Por exemplo, não é permitido que o paciente se consulte com um médico à distância. A Psicologia já superou isso, com regulamentação de teleconsulta. Então, são questões que precisam ser enfrentadas nas discussões”, acrescenta Serra, que também é coordenador do Núcleo de Telessaúde do Hospital Universitário da Universidade Federal do Maranhão.

A conexão digital é outro grande desafio na área, principalmente em localidades longínquas das regiões Norte e Nordeste. “Somos um País de dimensões continentais. Se municípios não tão distantes das regiões metropolitanas, como em São Paulo e no Rio Grande do Sul, têm problemas de conectividade, imagine em cidades do Amazonas, Maranhão e Piauí? Isso é um fator complicador para o grande avanço da tecnologia na Saúde”, afirma o especialista.

Entretanto, segundo Serra, o telediagnóstico avançou muito nos últimos anos. Um exemplo disso é o projeto QualiSUS-Rede, vinculado entre o Ministério da Saúde, estados e munícipios, que objetiva sistematizar de forma integrada os serviços de Saúde, levando assistência aos trabalhadores do setor público em todo o País.

“E trabalha em quatro linhas: telediagnóstico, teleconsultoria, tele-educação e a segunda opinião informativa. Isso tem sido um diferencial muito grande no treinamento, na capacitação e na educação continuada dos profissionais do SUS”, pontua.

Global Summit Telemedicine & Digital Health

O Global Summit Telemedicine & Digital Health é um evento realizado e promovido pela Associação Paulista de Medicina e Transamerica Expo Center. Tem Dr. José Luiz do Amaral, como presidente de honra, Dr. Jefferson Gomes Fernandes, na presidência científica e do Conselho de Curadores, além de Dr. Antonio Carlos Endrigo, presidente da Comissão de Organização.

abr
23
ter
2019
2º CONDEPE – Congresso de Desenvolvimento Profissional em Enfermagem @Transamerica Expo Center
abr 23 – abr 24 dia inteiro

Um dos destaques da programação do 2º CONDEPE – Congresso de Desenvolvimento Profissional em Enfermagem será Widlani Montenegro, gestora de Enfermagem UTI do Hospital São Domingos.

Ela proferirá duas palestras, com as temáticas “Manejo de Inserção e Manutenção do Cateter de PICC (Cateter Central de Inserção Periférica)” e “Indicadores no Cuidado ao Paciente Crítico”.  Ela antecipa que tais discussões são extremamente relevantes, em especial para os gestores de enfermagem e os profissionais de terapia intensiva.

A aula de Manejo tem por objetivo a qualificação por meio do conhecimento de habilidades capazes de garantir segurança ao paciente, durante a terapia intravenosa. A proposta é que o congressista aprenda noções práticas para inserção do cateter de PICC.

Já na segunda palestra, a finalidade é orientar os profissionais sobre os indicadores atuais, além de direcionar e gerenciar os resultados assistenciais em relação ao cuidado do paciente crítico.

“Vamos propor alternativas seguras de confirmação da localização da ponta do cateter”, explica Widlani Montenegro.

O CONDEPE será dinâmico e interativo, com constante troca de experiências entre o público e o palestrante. É a oportunidade de um momento reflexivo em relação às mudanças de práticas diárias no atendimento ao paciente.

Widlani afirma que a importância do Congresso é inserir Enfermeiros, Técnicos e Auxiliares nas estratégias das instituições e que isso repercute em melhores práticas de gestão e assistência seguras.

“Temos passado por grandes modificações nos modelos de saúde. Existe a necessidade de reposicionar a enfermagem no cenário nacional, interinstitucional. Para tal, o CONDEPE contribuirá inclusive para melhorar a visão dos Enfermeiros”, detalha a palestrante.

CONDEPE

Com a premissa do Desenvolvimento Profissional em Enfermagem, o CONDEPE – Congresso de Desenvolvimento Profissional em Enfermagem é o primeiro Congresso de proporção nacional totalmente voltado para toda classe de Enfermagem: Enfermeiros, Técnicos, Auxiliares e Estudantes. A segunda edição do evento será realizada nos dias 23 e 24 de abril, em São Paulo (SP), com o tema “Tecnologia e os desafios da enfermagem moderna”. O Congresso contará com diversas palestras e demonstrações práticas que visam a capacitação e desenvolvimento continuado dos profissionais deste importante campo da assistência e cuidado aos pacientes.