Fundo de investimento foca no setor da saúde

942

A Eurofarma, presente em 20 países e uma das farmacêuticas brasileiras que mais investe em inovação, anuncia a criação do fundo de investimento Axon Ventures. Já operante, o fundo investirá em projetos de tecnologia voltados ao setor de saúde.

O objetivo é buscar uma participação minoritária em negócios que estejam em estágio inicial com foco na resolução de problemas relevantes do setor. “A ideia é que os investimentos fiquem na faixa de R$ 500 mil à R$ 4 milhões por empresa e que a Eurofarma possa participar do Conselho. Miramos empresas operacionais, àquelas com produto e faturamento, mas que adicionalmente estejam à procura de novas alavancas de crescimento. Para potencializar o desenvolvimento e os resultados destas operações, também pretendemos compartilhar nossa rede de relacionamento”, explica Paulo Braga, gerente de Corporate Venture.

Além dos investimentos crescentes em pesquisa e desenvolvimento de novos medicamentos que em 2018 somaram R$ 252 milhões, a estratégia da Eurofarma é ampliar, cada vez mais, suas iniciativas em inovação. Na área de Corporate Venture, criada em 2017, três frentes foram definidas: a primeira, chamada de ideação, busca iniciativas ainda em fase embrionária para auxiliar pesquisadores e transformar um projeto científico ou acadêmico em um negócio; a segunda, voltada ao relacionamento com startups, abriga o programa de mentoria e fomento Eurofarma Synapsis, dirigido à scale-ups; e, por fim, a terceira frente está voltada às atividades da Axon Ventures com foco no investimento e participação de inovações disruptivas na cadeia de saúde.

“Aliada ao processo de internacionalização, a Visão 2022 sustenta que inovação e sustentabilidade são alicerces para que a companhia seja uma das 3 maiores farmacêuticas de capital regional da América Latina, consolidando sua participação de mercado e liderança em receituário médico. Incorporar novas tecnologias e buscar soluções disruptivas que agreguem valor ao negócio, são caminhos para alcançar estes objetivos”, completa Maria del Pilar Muñoz, vice-presidente de sustentabilidade & novos negócios.

Deixe seu comentário