Hospital Erasto Gaertner faz paródia sobre higiene das mãos

63

O Hospital Erasto Gaertner (HEG), de Curitiba (PR), lançou, na última segunda-feira (4), um vídeo de conscientização sobre a higienização das mãos que já é sucesso nas redes sociais. Percorrendo todas as áreas do hospital, mais de 60 pessoas, entre médicos, colaboradores e voluntários, cantam e dançam a paródia da música Despacito (do cantor porto-riquenho Luis Fonsi), criada pela enfermeira Jakeline Servilha Brotto, da Comissão de Controle de Infecção Hospitalar do HEG. “Cinco Passitos” apresenta os cinco momentos de higiene das mãos, preconizados pela Organização Mundial da Saúde (OMS) como fundamentais para prevenir infecções.

“Conforme a OMS, os cinco momentos de higienização devem ser feitos antes e depois do contato com o paciente, antes e depois de tocar em superfícies próximas do paciente e após o contato com secreções. A música Despacito está no auge do sucesso, então, aproveitei esse momento e encaixei a mensagem em uma melodia que está na cabeça de muita gente. Melhor de tudo foi ver o empenho de todos em participar dos ensaios nos fins de semana, as equipes mostrando como os passos estavam ficando e até treinando em casa. O resultado foi maior do que eu esperava e agora já estamos vendo isso na prática”, conta Jakeline Brotto.

A higienização das mãos está inserida nas Metas Internacionais de Segurança do Paciente, da OMS, e quando executada de maneira correta tem um grande impacto na redução de infecções, de mortalidade, de média de permanência do paciente no hospital e, consequentemente, de custo para os sistemas de saúde.

“Diversos estudos no mundo inteiro mostram que a simples higienização das mãos ou a assepsia com álcool 70%, reduz a incidência de infecção hospitalar em até 90%. A infecção prolonga a permanência do paciente no hospital por pelo menos sete dias e pode levar à morte. Dentro de um hospital oncológico é extremamente importante a higienização das mãos, porque temos pacientes com baixa imunidade e as infecções diminuem as chances de cura”, alerta Carla Martins, coordenadora geral do Hospital Erasto Gaertner.

Durante todo o ano de 2017, a direção do Hospital Erasto Gaertner trabalhou fortemente a conscientização sobre a higiene das mãos com profissionais da saúde e a população em geral. A instituição estabeleceu ainda metas de consumo de álcool por paciente para a prevenção de infecções e, no início de 2018, novas medidas estão previstas, incluindo melhoria e instalação de lavatórios em pontos estratégicos do hospital.

“O próximo ano será iniciado com melhores e novos lavatórios, instalados em locais específicos. Além disso, já utilizamos hoje o que há de melhor em solução alcoólica no mercado. Desta forma, a aderência ao protocolo de higiene das mãos é muito maior e os números já nos mostram isso. O nosso consumo de álcool aumentou de 10ml para 90 ml ao dia por paciente. Apesar de todo o avanço da Medicina, o simples ato de lavar as mãos ainda é a principal maneira de prevenir esse grande mal que é a infecção”, esclarece Carla Martins.

Com produção musical e imagens da TMC Criativa e coreografia de Alexandre França, o vídeo “Cinco Passitos” pode ser conferido abaixo:

Deixe seu comentário