Hospital São Vicente de Paulo recebe cãoterapia

144

Desde o final de junho os pacientes das unidades de internação da Saúde Mental e Cuidados Paliativos do Hospital São Vicente de Paulo (HSV), de Jundiaí (SP), tem recebido quinzenalmente a visita do cão Caju. O cachorro da raça Golden Retriever percorre corredores e quartos do hospital, proporcionando momentos de descontração aos pacientes e contribuído para o restabelecimento da saúde. A próxima visita ocorre nesta quarta-feira (7), às 15h.

De acordo com a psicóloga Ana Luiza Verrone Federico, que integra a equipe de Cuidados Paliativos do HSV, a pet terapia ou cãoterapia, é mais um recurso para o alívio do sofrimento dos pacientes. “É um momento de quebra da rotina para os pacientes, familiares e equipe assistencial. Estimula emoções positivas e promove o bem-estar”, explica. “É uma prática muito comum na Europa e Estados Unidos e recentemente tem ganhado muito espaço no Brasil. Existem pesquisas que comprovam sua eficácia. Auxilia no alívio de sintomas físicos, emocionais, sociais e espirituais”, enumera.

No HSV a iniciativa está sendo bastante positiva. “Tem sido para nós uma experiência muito amorosa e sensível, colaborando também para a humanização do cuidado com o paciente”, enfatiza a psicóloga.

O Caju faz parte do Park Cão, um pet shop especializado em cuidados dos animais. A tutora do animal é a Valéria Miranda. “Antes de vir ao hospital, temos que seguir alguns quesitos, dentre eles, o Caju tem que estar em perfeitas condições de saúde, estar com a vacinação em e ser higienizado”, explica. Além disso, a visita é acompanhada pelo Serviço de Controle de Infecção Hospitalar (SCIH) e pelo departamento de Segurança do Trabalho.

Deixe seu comentário