Toalha descartável sem enxágue aprimora banho no leito

3136

A higienização dos pacientes é uma atividade fundamental que faz parte da rotina hospitalar. Ao escolher o melhor método para realizá-la, é importante levar em consideração o bem-estar proporcionado aos pacientes e aos profissionais que a executam. Além disso, convém adotar técnicas que consumam pouca água e geram menos lixo patológico, colaborando para a preservação do meio ambiente e a redução de custos.

O banho tem como objetivo manter ativas as funções da pele, que são: atuar como barreira de defesa do organismo, evitando a entrada de microrganismos; segregar o sebo, que contém propriedades antibacterianas e antifúngicas; regular a temperatura corporal, diminuindo o risco de hipotermia; e produzir vitaminas, entre outras. Por isso, a higiene feita da maneira correta favorece a recuperação do paciente, oferecendo melhora biofuncional.

Para facilitar esse processo, a Laboratórios Diral criou a toalha higienizadora pessoal descartável Banho Fácil, que se destaca pela simplicidade, qualidade e possibilidades de uso. Trata-se de um pano macio impregnado em solução de sabão que limpa, amacia e sanitiza a pele sem a necessidade de enxágue.

Sergio Natapof, diretor da Banho Fácil

Sergio Natapof, diretor da empresa, diz que uma das vantagens do produto é fazer a higienização em 1/3 do tempo do banho tradicional. E, ainda, auxilia na preservação da água, pois utiliza apenas entre 300 ml e 400 ml, sem falar que quanto menos água se usa, menor é a probabilidade de bactérias. “Estes pontos são fundamentais para proporcionar maior conforto aos pacientes”, salienta.

Entre outros benefícios, não molha o colchão, o lençol nem a roupa dos profissionais que dão banho e gera menos lixo patológico, pois no momento da eliminação pesa até sete vezes  menos em comparação com outras formas de banho, como curativos e luvas. “Em resumo, além da praticidade, o Banho Fácil é absolutamente sustentável e tem custo inferior a um banho tradicional”, expõe o diretor.

Passado, presente e futuro

A Baño Facil foi fundada em 1999, na Argentina, por Osvaldo Natapof, pai do Sergio. “Como em todo começo de empreendimento, foi um grande desafio desenhar o produto e produzi-lo. Depois, passamos para o trabalho de convencer nossos atuais clientes das vantagens da toalha ‘mágica’”, conta Sergio.

Com a primeira exportação, feita em 2002 para o México, a empresa percebeu que o produto poderia conquistar outros mercados. Em 2004, conquistou a ISO 9001 e, mais para a frente, as certificações GMP (México, em 2005), CE (Comunidade Europeia, em 2011) e FDA (Estados Unidos, em 2014).

O planejamento para este ano é dar continuidade às vendas no mercado local (Argentina) e continuar com as exportações para Chile, Colômbia, Paraguai, Equador, México, Espanha e Estados Unidos. “Referente ao Brasil, temos muitas expectativas, devido à qualidade do mercado da saúde do país. Estamos convencidos que o Banho Fácil é um produto para este mercado”, expõe o diretor.

Este ano, a empresa já conseguiu dar o primeiro grande passo, conquistando o primeiro cliente no Brasil, a Unimed Vale dos Sinos, RS. “Também estão encaminhados alguns testes dos modelos da toalha com Camomila e Aloe Vera, para os quais esperamos resultados positivos. O Banho Fácil Clorexidina 2%, usado em banhos pré-cirúrgico e pós-cirúrgico, também está em fase de teste em dois conceituados hospitais do Brasil. Além disso, estamos próximos de fechar parceria com uma empresa de São Paulo”, revela.

Atualmente, a Laboratórios Diral fornece para mais de 300 clínicas e hospitais, entre públicos e privados, e 2.000 farmácias, só na Argentina. “A chegada ao Brasil não foi por acaso, há vários anos buscávamos um parceiro. No momento, trabalhamos em conjunto com a CQC Química na região Sul do país para desenvolver um projeto com benefícios e soluções para a área da saúde. Para mais informações, visite nosso site”, finaliza Sergio.

Informações: (51) 3561-9001 l www.bfacil.com.ar

Deixe seu comentário