Com fachada iluminada, hospital pediátrico chama atenção para segurança do paciente e dos profissionais

Para celebrar o Dia Mundial da Segurança do Paciente, lembrado em 17 de setembro, o Hospital Pequeno Príncipe, de Curitiba (PR), está com a sua fachada iluminada com a cor da campanha, laranja, até o domingo (20). A instituição também entregou kits de autocuidado para todos os profissionais com máscara, álcool em gel e sabonete.

Neste ano, com o contexto da pandemia da Covid-19, o movimento tem como tema a segurança dos profissionais de saúde que precisam de muita proteção e cuidado para que também possam continuar cuidando. Nessa luta contra o Coronavírus, o maior hospital pediátrico do país caminha ao lado de todos os colaboradores e médicos que atuam na instituição e busca diariamente oferecer toda a proteção, atenção e informação.

“Se temos os ‘Cs’ desafiadores da Covid-19, no Pequeno Príncipe temos coragem, curiosidade, comunicação, ciência, cultura, conhecimento, cuidado, controles e o mais especial: colaboradores comprometidos. Mais do que nunca, nós agradecemos toda a dedicação dos profissionais em levar adiante nossa missão. Estamos juntos sempre”, enfatiza a diretora executiva do hospital, Ety Cristina Forte Carneiro.

Desde o início da pandemia, no Brasil, 257 mil profissionais de saúde foram infectados pela Covid-19, de acordo com o Ministério da Saúde. A taxa de letalidade da doença no país é de 3,1%, com mortalidade de 58,9 para cada 100 mil habitantes. Apesar dos números alarmantes, no Hospital Pequeno Príncipe, a taxa de letalidade entre os colaboradores é 0% e a taxa de contaminação é de 7,46%. Isso é resultado das ações de proteção que foram tomadas precocemente e do comprometimento de cada profissional.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário
Por favor insira seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.