Cruz Vermelha participa de ações sobre empregabilidade, doação de roupas e saúde da mulher

Cruz Vermelha São Paulo faz ações neste final de semana

A Cruz Vermelha São Paulo promove nesta sexta e sábado dois mutirões voltados para a população em situação de vulnerabilidade. O primeiro deles ocorre nesta sexta-feira (5), no Centro de São Paulo. A ação faz parte do Projeto Bolsa do Povo Pop Rua, da Prefeitura de São Paulo, e tem como objetivo empregar moradores em situação de rua ou vulnerabilidade social.

O projeto teve início no dia 1 de agosto, com o cadastramento dos moradores interessados. Os selecionados levarão sua documentação à Galeria Olido, que está preparada para receber mais de 1800 pessoas das 10h às 15h. A Cruz Vermelha São Paulo doará no local mais de 4 toneladas de roupas masculinas e femininas, para que os participantes da ação possam usar em seu novo trabalho.

No sábado, a partir das 9h da manhã, profissionais de saúde voluntárias estarão na unidade da Fundação Casa voltada para mulheres para realizar atendimentos e palestras relacionados à saúde feminina. A ação está sendo realizada em parceria com o Laboratório Femme. Exames como Papanicolau e mamografia serão oferecidos para as agentes, já que menores de idade ainda não podem realiza-los.

Além destas ações, a Cruz Vermelha continua promovendo a Campanha da Agasalho 2022, apadrinhada pelo apresentador Felipe Andreoli. A campanha vai até o fim do mês de agosto e aceita doações de roupas usadas em bom estado e produtos de higiene, que podem ser colocados em um dos mais de mil pontos de coleta em todo o estado. A entidade prioriza, neste momento, as doações de roupas masculinas e infantis, que são recebidas em menor número ao longo da campanha.

Algumas empresas, como a Drogaria São Paulo e a Iguatemi, empresa full service do setor de shopping centers, participaram da campanha de forma expressiva: a rede de farmácias abrigou durante três meses caixas em suas unidades para realização de doações. Ao mesmo tempo, todo o dinheiro arrecadado na venda dos ingressos da tradicional Festa Junina do Iguatemi foi revertido para a compra de cobertores, que foram encaminhados para a sede da Cruz Vermelha.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário
Por favor insira seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.