Empreendedorismo e Medicina

26

Ajudar as pessoas e fazer a diferença são excelentes ideias, mas que não funcionam sem uma boa liderança e gestão dos negócios por trás da administração. Grandes exemplos disso, são os incontáveis hospitais e unidades de saúde públicas que não conseguem prestar um bom atendimento, apesar de seus excelentes profissionais.

Se formos colocar o empreendedorismo no âmbito de um consultório particular, os problemas também existem. Fornecedores ruins, equipe insatisfeita e falta de liderança. Para autônomos, conhecimentos desatualizados, uso de tecnologias obsoletas, não enxergar novas oportunidades, entre tantos outros exemplos.

No entanto, com carreiras extremamente conectadas às práticas assistenciais, é muito difícil conciliar a especialidade da saúde e as áreas mais administrativas. Neste contexto, a maior plataforma de streaming de reforço para estudantes de medicina, o Jaleko, agregou aos seus conteúdos uma série de cursos, artigos, vídeos e até questionários que englobam o universo do empreendedorismo.

Fundada por estudantes de medicina, a startup de educação existe desde 2011, e segundo Caroline Rothmuller, diretora educacional do Jaleko, o conjunto de ideias e comportamentos que levam à excelência partem de inovações. Que acontecem constantemente no Jaleko, justamente para que os profissionais estejam sempre preparados para elevar a qualidade dos serviços e entregarem cada mais oportunidade ao setor. “O futuro está na educação 4.0, na multidisciplinariedade, na adaptação”.

Com tópicos que abordam o momento econômico para gestores de saúde até dicionários com palavras que podem aperfeiçoar o vocabulário do aluno no universo dos negócios e empreendedorismo médico, o Jaleko conecta futuros profissionais ao sucesso.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário
Por favor insira seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.