Gratuito e online, maior Congresso de Medicina Integrativa em Língua Portuguesa acontece de 7 a 13 de março

Entre os dias 7 e 13 de março o Vida Veda realiza a terceira edição do maior congresso de medicina integrativa em língua portuguesa do mundo: o ConVIDA, de forma totalmente gratuita e online. Neste ano, o tema central será sobre a Longevidade, com 50 palestrantes de áreas como psicologia, ayurveda, nutrição, saúde feminina, medicina moderna, medicina tradicional chinesa e integrativa, que trabalham para a promoção de uma melhor qualidade de vida.

A medicina integrativa vem ganhando novos adeptos a cada dia, pois, cada vez mais, o ser humano busca tratamentos mais completos para a sua saúde e bem-estar, com tratamentos que integrem o corpo físico, mente, espírito e suas interações com o mundo. Prova deste crescimento, são os números expressivos do ConVIDA de 2021, que contou com 23 mil participantes do Brasil e de diversos países, e 157 mil visualizações das palestras dos profissionais convidados.

Este ano, as aulas continuarão sendo transmitidas pela U+ – plataforma de conhecimento da empresa -, e também pelo canal do Vida Veda no YouTube. Ao final de cada dia, serão realizadas rodas de conversa com os palestrantes dos temas que foram exibidos naquela data, com o objetivo de ampliar a consciência, tirar dúvidas e trocar conhecimento e experiências.

“Acredito que o fundamental para conquistar uma vida saudável é reservar uma das mais de 50 semanas do ano para fazer um mergulho profundo em si mesmo, entrando de cabeça para entender como gerar bem-estar no seu dia a dia”, comenta o médico e fundador do Vida Veda, Matheus Macêdo.

Sobre Longevidade – o tema principal da edição de 2022 -, Matheus explica que a adoção de alguns hábitos é essencial para quem deseja viver muito, como: alimentar-se bem, praticar atividades físicas, gerenciar o estresse, livra-se de vícios, dormir bem, ter uma vida social ativa e viver com propósito. “A longevidade saudável é quando a velhice é acompanhada de bem-estar e geralmente é sustentada pelos quatro pilares da saúde: alimentação, sono, movimento e silêncio. São essas condições que permitem que o ser humano desfrute a vida com mais qualidade”, explica o médico.

As mais de oito horas por dia, entre palestras, aulas e rodas de conversa foram pensadas como um processo, com começo, meio e fim. O objetivo deste formato é dar a possibilidade dos participantes terminarem a imersão estimulados a repensar suas crenças e hábitos, além de aprenderem a praticar mais o autocuidado baseados em toda a medicina integrativa, amplamente discutida ao longo do congresso.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário
Por favor insira seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.