HOBrasil agora se chama Grupo Opty

Com pouco mais de dois anos, o HOBrasil vem trilhando um caminho bem-sucedido na área de oftalmologia. Hoje, a companhia já tem sob sua gestão oito marcas oftalmológicas, que reúnem 1.400 colaboradores e 400 médicos. Essas conquistas, aliás, já o colocam na posição de liderança do segmento na América Latina. Agora, para reforçar ainda mais o foco no paciente, o seu modelo de negócio associativo e a sua parceria com a oftalmologia, o grupo anuncia sua nova identidade visual. A partir de agora, o HOBrasil passa a ser chamado de Opty e traz como assinatura “Olhar pelos seus olhos”.

A marca Opty traduz o propósito e os valores da organização e reforça o paciente como o centro de tudo. A palavra Opty é abreviação da expressão ophthalmology precision to you e representa a excelência do grupo em diferentes aspectos: nos médicos altamente qualificados em clínica e cirurgia; nos protocolos de práticas médicas; nos equipamentos de ponta; no atendimento cuidadoso e eficiente e nos processos e administração rigorosos. Já a assinatura “Olhar pelos seus olhos” valoriza a preocupação da companhia em se colocar no lugar do paciente e ir a fundo em seu cuidado, diagnóstico e tratamento. As iniciativas de Responsabilidade Social fazem parte do planejamento estratégico do grupo, com diversas ações em andamento.

As identidades das clínicas integrantes do grupo continuam as mesmas, porém ganham a chancela do Grupo Opty. “Nossos planos envolvem a ampliação da atuação para todo o Brasil e América Latina e, com a nova marca, possibilitamos que as clínicas mantenham suas identidades, afinal elas traduzem o prestígio da instituição, dos seus médicos, alinhadas por um propósito e valores comuns reconhecidos por todos os públicos”, afirma o CEO do grupo Opty, Amaury Guerrero.

Atualmente, fazem parte do grupo Opty o Instituto de Olhos Freitas (BA), o DayHorc (BA), o Instituto de Olhos Villas (BA), o Hospital Oftalmológico de Brasília (DF), o Grupo INOB (DF), o Hospital de Olhos Santa Luzia (AL), o Hospital de Olhos Sadalla Amin Ghanem (SC) e o HCLOE (SP), que somam 19 unidades de atendimento.

O grupo nasceu em abril de 2016 a partir da união de médicos oftalmologistas e do fundo de investimento Pátria, dando origem a um negócio pioneiro no setor oftalmológico do Brasil. O Grupo Opty aplica um novo modelo de gestão associativo que permite ampliar o poder de negociação, o ganho em escala e o acesso às tecnologias de alto custo, preservando a execução da oftalmologia humanizada e oferecendo tratamentos e serviços de última geração. No formato, o médico mantém sua participação nas decisões estratégicas, mantendo o foco no exercício da medicina. Amaury Guerrero está otimista com o atual momento da companhia. “Estamos em franca expansão com a nossa marca consolidada e reconhecida pelo mercado”, finaliza o executivo.

Oftalmologistas levam conhecimento a congressos pelo país

Esse mês, os especialistas dos corpos clínicos do Instituto de Olhos Freitas (BA), do Hospital Oftalmológico de Brasília e do Grupo INOB (DF); e do Hospital de Olhos Sadalla Amin Ghanem (SC) estarão em congressos no Sul e Sudeste do país, para discutir os avanços e técnicas na área. Os oftalmologistas levarão seu conhecimento, por meio de palestra, cursos, apresentação de casos clínicos e coordenação de debates, ao XX Congresso Internacional da SBO, ao XIV Congresso Sul-Brasileiro de Oftalmologia e 43º Congresso da Associação Paranaense de Oftalmologia, e ao XVIII Congresso da Sociedade Caipira de Oftalmologia.

O Dr. Pedro Bertino representará o INOB (DF) no XX Congresso Internacional da SBO, no qual apresentará a palestra “Correção de ametropias após transplante de córnea”. Do Instituto de Olhos Freitas (BA) estará a Dra. Camila Koch, com o tema “Rexe correu: e agora? ” e a apresentação do caso clínico “Catarata: enfrentando meus pesadelos”.

No XIV Congresso Sul-Brasileiro de Oftalmologia e 43º Congresso da Associação Paranaense de Oftalmologia, que serão realizados paralelamente, em Curitiba, contarão com um curso teórico com o tema “Namograma de Anel Intraestromal”, ministrado pelo Dr. Guilherme Rocha, do Hospital Oftalmológico de Brasília (HOB), no dia 28 de junho.

Oito especialistas do Hospital de Olhos Sadalla Amin Ghanem (SC) também estarão nos eventos em Curitiba realizados em conjunto pelas Associação Paranaense de Oftalmologia (APO), Sociedade Catarinense do Oftalmologia (SCO) e Sociedade do Oftalmologia do Rio Grande do Sul (SORIGS).

A Dra. Cleusa Coral-Ghanem será palestrante do tema “Lentes de Contato em ectasias: quais as opções? ”, além de coordenadora do painel “Lentes esclerais e semi esclerais: adaptação em córneas irregulares e em córneas normais” e discutidora do Wet Lab Ortoceratologia. O tema da palestra do Dr. Emir Amin Ghanem será “Correu… e agora?”. O Dr. Fernando José De Novelli explicará sobre “Transplante de Membrana Limitante Interna Autóloga no Buraco de Mácula”. Já o Dr. Fernando Komatsu discutirá os módulos “Transplantes Lamelares” e “Transplante Endotelial DMEK: Desvendando Segredos”, além de apresentar vídeo sobre o tema.

Também da unidade referência em Curitiba, o Dr. Mário Junqueira Nóbrega falará sobre o assunto “Injeções: quando parar? ”. A Dra. Patricia de Paula Yoneda discutirá sobre correção do astigmatismo com lentes RGP e gelatinosas. Já o Dr. Ramon Coral Ghanem, presidente da Sociedade Brasileira de Lentes de Contato, Córnea e Refratometria (SOBLEC), apresentará as palestras “Biometria Pós CR” e “Dalk: Minha Técnica”, com apresentação de vídeo, além de ser discutidor de casos clínicos sobre Faco em córneas irregulares e coordenador do módulo “Transplante Endotelial DMEK: Desvendando Segredos”.

Dr. Vinícius Coral Ghanem, diretor clínico do Hospital de Olhos Sadalla Amin Ghanem, também estará no Congresso em Curitiba. Especialista em cirurgia refrativa, será discutidor no módulo relacionado à óptica cirúrgica, além de ministrar a palestra “Complicações no Dalk” e apresentar vídeo sobre o assunto.

Oftalmologia caipira

Dr. Fernando Komatsu, do Hospital de Olhos Sadalla Amin Ghanem (SC), também irá para São Jose do Rio Preto, no interior de São Paulo, para o XVIII Congresso da Sociedade Caipira de Oftalmologia. Ele discutirá sobre temas relacionados à catarata, córnea e refrativa, além de apresentar as palestras “Caso Complicado”, “Quase que apito na curva”, “Dona Encrenca”, “Caso sacudido” e “Bolhosa + Iol de Câmara Anterior”.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário
Por favor insira seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.