Hospital Santa Mônica foi o primeiro hospital psiquiátrico privado a ser certificado em 2018

O Hospital Santa Mônica, Itapecerica da Serra (SP), anuncia que acaba de conquistar a certificação ONA 2 durante a pandemia do novo Coronavírus, mostrando que encarar as adversidades de frente buscando aprendizagem, aperfeiçoamento e evolução, com coragem, vale a pena.

A equipe de gestores liderados por Suzana Bellizia Amaral, CEO do hospital, cuja visão de mundo é objetiva, amorosa e antifrágil, tomou para si a responsabilidade e o compromisso de manter a segurança dos pacientes psiquiátricos, das equipes de atendimento e de apoio, a manutenção de fornecedores e a sustentabilidade financeira do próprio hospital, diante do cenário negro que se previa para o período de enfrentamento do novo Coronavírus.

Medidas de segurança foram tomadas com agilidade e rapidez trazendo melhores resultados dos que foram obtidos em outros países, na área de pacientes crônicos e psiquiátricos. Resiliência e busca por aperfeiçoamento são traços importantes no DNA do Hospital Santa Mônica que iniciou suas atividades em 1969 como hospital de crônicos do Sistema Único de Saúde (SUS) e hoje é referência no atendimento à saúde mental no Estado de São Paulo.

A pandemia do novo Coronavírus trouxe desafios inimagináveis e nossa característica de enfrentar riscos e a realidade de maneira honesta e objetiva, usando dados disponíveis e o trabalho em equipe, tem comprovado ser a maneira mais eficiente para crescimento mesmo durante a crise.

2020 tem sido um ano de muito trabalho, riscos, incertezas, mas também de alegrias e crescimento: retrofit da estrutura física do hospital, trazendo o colorido nas áreas, um spa e boas energias para o tratamento de pacientes com problemas de saúde mental; protocolos rigorosos para o enfrentamento ao novo Coronavírus, agilidade nas revisões destes protocolos que se adequaram inúmeras vezes ao cenário dinâmico do enfrentamento, aumento de custos, aumento no turnover e faltas de colaboradores, intensificação de treinamentos; crescimento da demanda por leitos para internação de pacientes psiquiátricos que com a pandemia viram seus problemas de saúde mental serem intensificados; enfrentar o medo diante da ameaça de morte causada pela Pandemia, inovações com atendimentos de grupos terapêuticos on-line e gratuitos para a comunidade, têm sido alguns dos desafios ao longo da pandemia.

2020 vai deixar um saldo bastante positivo quanto aos resultados obtidos pelo Hospital Santa Mônica e também aos membros da equipe que ganharam enorme maturidade ao longo deste processo de enfrentamento. O hospital conseguiu manter as contaminações sob controle e as equipes bem, amparadas e o Santa Mônica com isso, se mostra ainda mais forte agora com o Selo Prata da ONA.

A vocação do Santa Mônica é ser o porto seguro para os que adentram suas instalações, tanto equipe, quanto pacientes e temos mantido com rigor este compromisso. Fazer Retrofit na estrutura física, pleitear e conseguir up grade no processo de acreditação da ONA e crescer mesmo durante a pandemia é um lindo feito a ser comemorado com muita alegria e união nestes tempos difíceis.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário
Por favor insira seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.