Rio de Janeiro atinge maior meta de vacinação dos últimos anos

1312

A Secretaria de Estado de Saúde do Rio de Janeiro atingiu 92% do público-alvo na campanha de vacinação contra a gripe. Essa é a maior marca alcançada nos últimos anos no estado do Rio de Janeiro e a terceira vez desde 2012 que o número ultrapassa 90%.

O número só foi conquistado após diversas ações da SES para estimular a população, como a prorrogação da campanha, postos volantes e a divulgação nos veículos de comunicação.

Para o secretário de estado de Saúde, Edmar Santos, o estado alcançou a meta por ter mobilizado as equipes para conscientizar a população. “Além da vacina oferecida nos postos municipais, promovemos também eventos de vacinação volante para estimular a imunização contra a gripe. Percorremos locais como estações de BRT, shoppings, rodoviárias e estações do metrô. Essas ações serviram como alerta”.

Prorrogação da campanha

Por conta da baixa procura pela vacina, a SES precisou ampliar o fim da campanha por mais 15 dias, já que em 31/05 – último dia previsto para a 21ª Campanha Nacional – apenas 83,09% da população havia se vacinado.

Depois do fim da campanha, no dia 15 de junho, a população fora do público-alvo pode se vacinar enquanto houver a disponibilidade  em estoque.

Alexandre Chieppe, médico da SES, destaca a importância da imunização contra a gripe. “O inverno é época de maior ocorrência de casos. Por isso, a população precisava buscar proteção com as vacinas nos postos. Ela é importante porque ao receber a dose a pessoa já fica imunizada contra três vírus da doença, inclusive o H1N1, além de ser segura e gratuita”, explica.

A superintendência de Vigilância Epidemiológica da SES informa que foram notificados, em 2019, 142 casos de influenza, com 35 óbitos. Em 2018, foram registrados 233 casos de influenza, com 30 óbitos.