Sírio-Libanês é certificado como uma instituição de alta qualidade no cuidado ao paciente com câncer

2923

A Sociedade Beneficente de Senhoras Hospital Sírio-Libanês acaba de receber a certificação do programa QOPI® (Quality Oncology Practice Initiative), conferida pela ASCO®, uma das principais organizações médicas no mundo. O certificado é concedido aos centros de hematologia e oncologia que atendem aos altos padrões de qualidade reconhecidos internacionalmente no cuidado do paciente com câncer. O Sírio-Libanês é uma das primeiras instituições fora dos Estados Unidos a receber essa certificação. No Brasil, somente seis possuem o selo.

“Essa conquista é resultado de um esforço contínuo de todo o Centro de Oncologia do Hospital Sírio-Libanês e da Diretoria do Instituto de Qualidade e Segurança para oferecer cuidado especializado e humanizado aos nossos pacientes”, diz Dr. Artur Katz, diretor do Centro de Oncologia do Hospital Sírio-Libanês.

Para alcançar a certificação, o hospital participou de uma avaliação que levou em conta padrões de qualidade e de segurança do programa QOPI® estabelecidos pela ASCO em áreas que incluem:

  • Qualificação profissional;
  • Planejamento do tratamento oncológico;
  • Educação do paciente e familiares;
  • Segurança no preparo e administração de quimioterapia;
  • Monitoramento de efeitos colaterais após quimioterapia;
  • Manuseio seguro de tratamentos oncológicos orais no ambiente doméstico.

“Antes da avaliação oficial do programa de certificação, o Sírio-Libanês já atendia 97% dos padrões. Este resultado nos permitiu fazer rapidamente as adequações necessárias, além de mostrar a excelência do nosso cuidado. Hoje atendemos todos os padrões exigidos”, explica Dr. Artur Katz.  Os critérios avaliados foram a capacitação e competência dos profissionais da instituição, documentação de prontuários, clareza e precisão nas informações e orientações fornecidas aos pacientes e familiares e serviços de suporte e atenção ao paciente. Avaliaram também todas as etapas desde a prescrição, preparo, administração até o monitoramento dos tratamentos quimioterápicos, entre outros.

O programa de certificação QOPI® foi lançado em 2010 e mais de 300 instituições médicas estão certificadas atualmente em todo mundo. Essa certificação é o primeiro programa desse tipo para instituições médicas oncológicas ambulatoriais nos Estados Unidos e visa melhorar a qualidade do cuidado ao paciente com câncer.

Deixe seu comentário