Sociedade Brasileira de Cirurgia de Cabeça e Pescoço se mobiliza pelo Julho Verde Esperança

O câncer não pode esperar. A Campanha Julho Verde 2021 chega no momento em que o país enfrenta a 3ª onda de Covid-19. O medo pelo risco de contágio pelo Coronavírus impactou 43% dos pacientes em tratamento de câncer, mostra levantamento do Instituto Oncoguia. Para a Sociedade Brasileira de Cirurgia de Cabeça e Pescoço (SBCCP), que há 6 anos encabeça o Julho Verde no Brasil, o momento é de reforçar as ações. Com o slogan ‘Desperte a Esperança, Venha para o Julho Verde’, SBCCP reconhece o abalo da saúde emocional e como isso reflete no tratamento do câncer.

Engajar-se nesta 6ª Edição da Campanha Nacional de Prevenção ao Câncer de Cabeça e Pescoço é se solidarizar e levar informações às pessoas para a necessidade de exames preventivos e diagnóstico precoce. A SBCCP quer fazer uma campanha de alto impacto em prol de vidas que podem encontrar a cura. Praticar a solidariedade é levar esperança a alguém, por meio de informações e incentivo.

A Organização Mundial da Saúde (OMS) reconhece os resultados negativos da pandemia no tratamento do câncer. Muitas pessoas deixaram de fazer exames, o que impediu um diagnóstico em estágio inicial. Pacientes deixaram de comparecer ao tratamento por insegurança, medo ou por falta de atendimento.

Quanto mais avançado o câncer, mais reduzida a chance de cura e mais agressiva fica a doença. As sequelas de um câncer de cabeça e pescoço são emocionais e também financeiras, por necessitar de muitos recursos, resulta em tratamento extremamente caro.

“O momento é de retomada. Nós, profissionais da saúde, nos readaptamos e nos estruturamos para levar o melhor atendimento e tratamento aos nossos pacientes. Temos a telemedicina, que pode compensar os atrasos nos atendimentos, temos hospitais especializados seguindo os protocolos de segurança, nos casos de cirurgias que se fazem necessárias, exames que podem ser feitos pelo SUS, entre inúmeros recursos. O emocional de cada um traz alguma marca. Mas vamos reduzir esse impacto. Vidas podem ser salvas e não devemos nunca perder a esperança. Abrace essa Campanha”, convida o presidente da SBCCP, Dr. Antonio José Gonçalves.

Para a coordenadora da Campanha Julho Verde 2021, Dra. Christiana Vanni, Julho Verde já começou. “O momento em que optamos em nos tornarmos da área da saúde, médicos, cirurgiões de cabeça e pescoço! A intenção inicial é orientar, ensinar, cuidar, prevenir, fomentar a saúde e bem-estar dos nossos pacientes. Nós especialistas precisamos enfatizar a necessidade de prevenção e rastreamento precoce para reduzir a carga da doença e não permitir que ela cresça em espiral. Tenho certeza de que com ajuda de todos na propagação do nosso conhecimento, vinculados à tecnologia e ciência, o sucesso é certeiro”, completa.

O Instituto Nacional do Câncer (INCA) estima que, no Brasil, em 2021 ocorrerão 625 mil casos novos de câncer (450 mil, excluindo os casos de câncer de pele não melanoma), que é um dos tipos de câncer de cabeça e pescoço. O câncer de pele não melanoma será o mais incidente (177 mil). O câncer de pele não melanoma representará 27,1% de todos os casos de câncer em homens e 29,5% em mulheres.

Ações do estado, equipes de advocacy e atuação da sociedade civil também são importantes para o estudo e controle da doença, propiciando melhor monitoramento e conquistas de políticas públicas para o tratamento do câncer.

Mobilize-se para o Julho Verde 2021 usando as hashtags: #JulhoVerde2021 #JulhoVerdeSBCCP2021

Julho Verde

O Dia Mundial do Câncer de Cabeça e Pescoço é o 27/07, data criada pela International Federation of Head and Neck Oncologic Societies (IFHNOS), com apoio da OMS, como forma de alertar a sociedade para os cuidados para o tratamento e prevenção do câncer de cabeça e pescoço e a importância de se fazer um diagnóstico precoce.

O que está associado ao câncer de cabeça e pescoço: Entre as neoplasias malignas, o câncer de cavidade oral é o sétimo mais comum no Brasil. Uso excessivo de álcool e tabagismo, podem ocasionar a doença, assim como se expor muito tempo aos raios solares. O HPV também está associado ao câncer de cabeça e pescoço.

Como se prevenir:

  • Não fumar;
  • Evitar o consumo de bebidas alcoólicas;
  • Ter alimentação rica em frutas, verduras e legumes;
  • Manter boa higiene bucal;
  • Usar preservativo (camisinha) na prática do sexo oral;
  • Manter o peso corporal adequado;
  • Recomendar a vacinação do HPV para os meninos de 11 a 14 anos e para meninas de 9 a 14 anos.
  • Uso de protetor solar e evitar exposição ao sol prolongada.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário
Por favor insira seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.