Paciente do Hospital Amaral Carvalho ganha cinco medalhas em jogos na Argentina

285

O paciente do Hospital Amaral Carvalho (HAC), em Jaú (SP), atleta Carlos Alberto Rezende, o Carlão, conquistou cinco medalhas nos Jogos Argentinos e Latino-americanos para Transplantados, realizados entre 30 de outubro e 4 de novembro, em Salta, na Argentina. Com 21 atletas, foi a maior delegação de transplantados da história brasileira em um evento esportivo.

Carlão participou de seis provas na categoria Atletismo e obteve uma medalha de ouro (400 metros) e quatro de prata (100 metros, revezamento 4×100 metros, 800 metros, e revezamento 4×400 metros), além de alcançar o quarto lugar na corrida de 5 km. Em agosto, no Transplant Games of América, realizado em Salt Lake City, nos Estados Unidos, ele também foi medalhista.

TMO

Diagnosticado com aplasia medular severa, Carlão foi submetido a um transplante de medula óssea em 17 de novembro de 2016. Hoje, aos 54 anos de idade, mais do que suas vitórias no esporte, ele comemora a vida. “Um pequeno gesto de solidariedade de um doador de medula óssea possibilitou que eu continuasse vivo e praticando esportes. Essas medalhas têm um significado muito forte em minha vida. Sinto muita gratidão. Gratidão a Deus, ao doador e aos médicos do HAC pelo sucesso do meu transplante”, declarou.

Carlão é professor no Mato Grosso do Sul e presidente do Instituto Sangue Bom, projeto de apoio e conscientização para mobilizar a sociedade e promover o engajamento nas causas relacionadas à doação de sangue, medula óssea e órgãos.

Deixe seu comentário