Aumenta a procura de instituições de saúde por Acreditação

Há anos se discutem ações modernizadoras da gestão e do atendimento ao setor da saúde. Nos anos anteriores, essas questões eram mais especulativas e muitas vezes não chegavam a uma solução. No último ano, por conta da pandemia, pelo menos dez anos dessas discussões avançaram. A educação sanitária foi valorizada, a biomedicina se desenvolveu com vacinas sendo produzidas em tempo recorde e foi compreendido que a ciência deve estar sempre em primeiro lugar.

Com isso, muitas empresas do setor da saúde buscam um diferencial competitivo nas certificações para estar sempre aptas a receber o paciente da melhor maneira. O processo de Acreditação contribui para o desenvolvimento e implementação de padrões de segurança do paciente, qualidade e governança. Na prática, a Acreditação institui o uso de documentação confiável (desde a informação em prontuários até o uso de indicadores adequados), minimiza os custos decorrentes de cortes com prestação de serviços, melhora os processos com cuidados baseados em evidências e padronização, entre outras ações que refletem diretamente na atratividade do hospital para o público/usuário.

Em um momento como o da pandemia, tais serviços foram significativos para que tudo fosse colocado à prova. Nessa situação, todo o processo de gestão numa situação emergencial foi aprimorado.

Foi essencial repensar na organização de fluxos e foco no cuidado centrado, com a melhor utilização dos recursos e otimização de processos. Estes resultados foram essenciais principalmente no cenário pandêmico, onde os recursos e capital humano foram escassos e sofreram grande impacto. A eficiência em saúde passou a ser mais do que desejável, mas essencial para a sobrevivência das organizações.

A busca assim pela Acreditação deve estar voltada ao reconhecimento e aplicação das melhores práticas em saúde, desde a alta gestão até a operação, com resultados perceptíveis a curto, médio e longo prazo.

Para Geovana Tomasella, avaliadora da Quality Global Alliance (QGA) do nível Core, a pandemia intensificou a procura de instituições para serem acreditadas: “Aumentou no sentido da necessidade de se ter práticas de segurança mais consolidadas e mais segurança para os colaboradores e para os profissionais  atuantes nesta área. Assim nós conseguimos ter uma sustentabilidade melhor até dessas empresas no mercado”, garantiu.

A mudança da instituição de saúde depois do processo de Acreditação é visível também. Os profissionais ficam mais cientes do que eles precisam realizar e de qual maneira isso deve ser feito. “Olhando como um paciente chegando ao hospital, é possível logo  em sua chegada analisar o fluxo de entrada. Se ele está entrando pelo local certo, se a ala de Covid está bem sinalizada (isso resultará em uma menor possibilidade de contaminação); se a identificação está correta e até se o medicamento está sendo aplicado na dose correta são resultados da Acreditação. Se eu tiver bons profissionais, preparados para sua prática e orientados, com certeza o resultado vai ser bem melhor”, apontou Tomasella.

E o efeito disso é imediato. As instituições de saúde se tornam mais competitivas, não só em relação ao mercado, mas também em saúde suplementar em termos de repasse de condições melhores e com uma gestão mais eficiente. “A consequência direta é vista em uma gestão eficiente de materiais, equipamentos e pessoas. É possível diminuir até os custos,  entendendo o quanto se tem com gastos além do necessário com isso. Eu treino pessoas e é possível perceber o quanto essa rotatividade é tão presente nas instituições e o quanto a melhoria na gestão de pessoas resulta diretamente em uma redução de custos.”, finalizou Geovana Tomasella.

O Qmentum Global Alliance (QGA) faz parte da maior e mais inovadora Aliança Global para o desenvolvimento e a implementação de padrões mundiais de excelência em saúde com foco no paciente, a Health Standards Organization (HSO).

Estamos estruturados para trazer ainda mais valor para a sua organização e, de agora em diante, a Accreditation Canada, o Institute for Quality Management in Healthcare, a Health Assessment Europe, Qualicor Europe/Holanda e nós, do QGA, somos um só. Além disso, somos integrantes da ISQUA (maior organização mundial que tem o objetivo de promover a melhoria da qualidade nos cuidados de saúde) e também acreditados.

Contamos com os melhores especialistas do mercado, para trazer o máximo de qualidade e excelência internacional ao sistema de saúde brasileiro, utilizando a experiência global de mais de 35 países, 15.000 instituições de saúde e 110 padrões, somada à nossa experiência local de mais de 500 visitas de auditoria por ano e 250 instituições aplicando o programa Qmentum.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário
Por favor insira seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.