Selo Social certificou projetos de 17 instituições no Distrito Federal

 

O Hospital Santa Marta e o Instituto Santa Marta de Educação e Saúde – ISMES participaram da cerimônia de certificação de 17 instituições pelo Selo Social – ciclo 2017, programa que reconhece iniciativas de promoção, desenvolvimento e melhoria da qualidade de vida da população local. O evento aconteceu no UniCEUB, em Águas Claras (DF), e contou com a presença de representantes das instituições responsáveis por fazer o projeto acontecer no Distrito Federal, além da organização idealizadora do selo, o Instituto Abaçaí. O evento contou ainda com a apresentação musical da Orquestra Reciclando Sons.

O Selo Social foi implantado no Distrito Federal em novembro de 2016 por meio da parceria entre o Instituto Abaçaí e da Rede Salesiana Brasil, iniciando em 2017 suas atividades. Nesse período, os participantes mobilizaram-se no estudo de possíveis soluções para os problemas sociais de suas regiões, o que resultou em 4.595 atendimentos realizados. O programa é inteiramente gratuito para as organizações que cadastram suas iniciativas sociais, todavia, para que um projeto como este consiga ser executado plenamente e trazer os resultados que dele se esperam, são necessários investimentos.

O Hospital Santa Marta é uma das empresas que firmaram o compromisso com Taguatinga ao atuar como um Investidor Social, realizando doações mensais ao Instituto Abaçaí, que são destinadas integralmente ao custeio do projeto, tornando-o gratuito a todos os participantes. A Superintendente do Hospital Santa Marta, Luci Emidio, fala do impacto positivo e credibilidade das organizações participantes em receber essa certificação. “Atuamos como Investidor Social do Selo Abaçaí e assim reafirmamos o nosso interesse em contribuir com o desenvolvimento sociocultural de Taguatinga, tornando-nos sensíveis às necessidades dessa comunidade”.

O ISMES foi certificado com o Selo Social pelo Projeto “Aponte a Ponte”, que promoveu ao longo de 2017 eventos para 3.400 alunos graduandos de disciplinas de saúde, com o objetivo de aproximá-los do mercado de trabalho. A ação foi realizada no Instituto de Ensino e Pesquisa do Hospital Santa Marta – ISMEP e contou com a parceria de profissionais da área de saúde, além das empresas como o Hospital Ana Nery, Hospital Santa Marta e Med Life. O Diretor do ISMES, Calvino Soares, comemora a certificação e fala sobre as perspectivas de 2018. “Este ano estamos envolvidos com a iniciativa de levar atendimento de saúde para comunidades carentes por meio do Projeto Saúde Social, e já iniciamos em março com uma ação na comunidade de Vicente Pires, onde atendemos 130 pessoas. A expectativa é darmos continuidade a outros projetos rumo à certificação 2018”.

Para Áureo Giunco, o evento simboliza a gratidão e valorização dessas 17 Instituições pelos 20 projetos desenvolvidos ao longo de 2017, que tiveram 63 impactos sociais e transformam suas regiões num local melhor para se viver. “Cada uma dessas instituições passou por um longo processo para chegar até aqui, participando de treinamentos, expondo seu trabalho e suas equipes, permitindo que pessoas de fora com credibilidade, e também a sua comunidade, pudessem avaliar seu projeto. Isso demonstra transparência, além de agregar valor as suas marcas”, explica.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário
Por favor insira seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.