Brasileira especialista em dor pediátrica participa de Congresso Internacional de Pediatria

No dia 26 de fevereiro, das 13h30 às 15h30 (horário de Brasília e das 17h às 19h pelo horário de Teerã), a Dra. Danielle Mazetto Cadide participa do 33º Congresso Internacional de Pediatria Centro Médico Infantil (CMC), organizado pelo Centro de Excelência Pediátrico da TUMS – Universidade de Ciências Médicas de Teerã, no Irã.

A especialista brasileira na sessão intitulada “Gestão da Dor” ao lado do Dr. M. Irfan Suleman – da Johns Hopkins Universidade de Medicina, de Baltimore, USA, e do Dr. Vahid Mohabbati, do Hospital Adventista de Sydney, Austrália. Enquanto ela enfocará em Intervenção em dor na pediatria, seus pares, respectivamente, falarão sobre farmacologia e manejo da dor em pediatria.

A Dra. Danielle Mazetto Cadide é médica anestesiologista especialista em dor, intervencionismo em dor, dor pediátrica e cuidados paliativos. É certificada pela Associação Médica Brasileira em Dor e Anestesiologia e pela Associação Latino-Americana de Cuidados Paliativos. Sua formação em dor pediátrica envolveu estágio em dor pediátrica The Hospital for Sick Children (SickKids) pela Universidade de Toronto, no Canadá, além de diversos cursos, a exemplo de La douleur de L’Enfant pela Société Savante pour le Traitement de la Douleur chez L’Enfant – França; Education Paliative e end-of-life Care pela Fondazione Maruzza Onlus, na Itália; Pediatric Pain Master Class de São Fransisco, EUA; e Ontario Chronic Pain Network Pediatric (OCPN), no Canadá.

Atualmente faz parte ECHO-Pediatric Project-SICK KIDS Learning Institute in Paediatric Pain Management and Palliative Care, no Canadá, e do Education in Palliative Care and End-of-life-Care-Pediatrics (EPEC), que reúne um grupo seleto de médicos do mundo para educação continuada e discussões de temas em dor e cuidados paliativos pediátricos.

Sua formação em Dor e Intervenção abrange um fellow na Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto da Universidade de São Paulo (FMRP-USP); especialização em intervenção Dor Guiada por Ultrassonografia, na Singular Cursos, em Campinas; e Neuromodulação Invasiva na INDOR, em Brasília (DF), entre outros.

Atualmente a Médica integra um seleto e raro grupo de intervencionistas especializados em dor pediátrica (a estimativa é de que existem menos de cinco em todo território nacional). Entre suas atividades, a Dra. Danielle Mazetto Cadide atua junto ao grupo de dor da Takaoka Anestesia nos hospitais Albert Einstein e 9 de julho, e também do grupo de dor da Rede D’Or Anália Franco, todos em São Paulo (SP). Docente em diversos cursos nacionais, incluindo o de Intervencionismo em Dor do Hospital Israelita Albert Einstein, e internacionais sobre dor pediátrica; é a coordenadora do Pós-graduação em Dor Pediátrica do Sinpain, instituição que congrega especialistas da dor em geral, intervencionistas ou não.

Assumiu recentemente o cargo de coordenadora do Comitê de Dor Pediátrica da Sociedade Brasileira do Estudo da Dor (SBED), também faz parte hoje da coordenação do Comitê de Intervenção em Dor Pediátrica da Sociedade Brasileira de Médicos Intervencionistas em Dor Pediátrica (SOBRAMID) e é revisora do Brazilian Journal of Pain.

33° Congresso Internacional de Pediatria

O 33º Congresso Internacional de Pediatria Centro Médico Infantil (CMC), organizado pelo Centro de Excelência Pediátrico da TUMS – Universidade de Ciências Médicas de Teerã, no Irã, será realizado de 22 a 26 de fevereiro, em formato digital, devido à pandemia do novo Coronavírus.

A Universidade de Ciências Médicas de Teerã (TUMS) – originada em 1851 como parte do Instituto de Dar-ol-Fonoon (Politécnico), constitui-se o mais antigo e conhecido centro médico do Irã, nacional e internacionalmente, mantendo escolas de medicina, odontologia, farmácia, reabilitação, ciências médicas aliadas, saúde pública, tecnologias avançadas em medicina, ciências nutricionais e dietéticas, enfermagem, entre outras.

A Faculdade de Medicina, por sua vez, foi fundada como parte da Universidade de Teerã em 1934. Já o Hospital do Centro Médico Infantil (CMC), que iniciou as atividades em 1968, é um centro de excelência em pediatria daquele país e o mais abrangente centro de ensino, terapêutica e pesquisa de doenças infantis no Irã.

Desde o lançamento, em 1985, o Congresso Internacional de Pediatria (ICP) reuniu os maiores e mais conhecidos pesquisadores e cientistas pioneiros, de todos os campos do espectro da saúde relacionados à pediatria. Seu objetivo é reunir um painel de especialistas em Pediatria de diferentes países e universidades, para se beneficiar de seus valiosos conhecimentos e aprender com sua perspectiva acadêmica.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário
Por favor insira seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.