Congresso de Casos Clínicos da SOCESP reunirá multiprofissionais para discutir tratamento holístico de pacientes

16

O Congresso Virtual de Casos Clínicos da SOCESP irá promover um amplo debate sobre o dia a dia dos profissionais de saúde, abordando dúvidas e dificuldades nas tomadas de decisões. A Sociedade de Cardiologia do Estado de São Paulo possui oito departamentos multiprofissionais com especialistas de educação física, enfermagem, farmacologia, fisioterapia, nutrição, odontologia, psicologia e serviço social, além de um grupo de estudos sobre cuidados paliativos. O último dia do evento, 9 de outubro, será inteiramente dedicado para atividades voltadas a esses profissionais.

O diretor da SOCESP, Otávio Rizzi Coelho Filho, junto com um moderador, fará a apresentação de dois casos, sendo cada um deles debatidos por palestrantes de cinco departamentos com posterior abertura para perguntas. A primeira situação apresentada será sobre um paciente de 55 anos com miocardiopatia chagásica com insuficiência cardíaca (FEVE reduzida) que procurou atendimento ambulatorial devido à diminuição da tolerância ao esforço. O paciente relatou suspensão do uso do diurético de alça, dieta inadequada com consumo frequente de bebida alcoólica e carnes e ganho de peso no último mês. O caso será discutido pelo grupo de cuidados paliativos, serviço social, profissionais de educação física, farmacologia e psicologia.

Já o segundo grupo, formado por fisioterapeutas, nutricionistas, odontologistas, enfermeiros e psicólogos, debaterá o caso de um paciente hipertenso em uso de medicamento (Losartana 50 mg/dia), diabético em uso de remédios hipoglicemiantes orais, dislipidemia sem tratamento, obesidade e ex-tabagista que apresentou forte dor torácica esquerda em queimação com irradiação para o braço esquerdo acompanhada de náuseas e vômitos. O exame de ecocardiograma diagnosticou Síndrome Coronariana Aguda com supra ST (infarto) e o paciente foi submetido ao cateterismo e à angioplastia primária com stent farmacológico.

“Como é possível observar, é comum que as vítimas de problemas cardíacos sejam expostas à doença por diversos fatores que vão além dos cardiológicos, como má alimentação, estresse do trabalho e tabagismo. Por isso, há décadas temos grande interação com multiprofissionais e a interdisciplinaridade sempre esteve nas programações da SOCESP”, explicou o diretor.

O integrante da Comissão Científica, Ibraim Masciarelli Pinto, completa: “o objetivo desse evento é que os participantes voltem pra casa com mais bagagem pra enfrentar cenários desafiadores da prática clínica. Existe uma associação de fatores de risco que muitas vezes colocam em xeque o que fazer diante das diretrizes. A ideia é que as dúvidas sejam trazidas à tona para que todos possam sair do congresso enriquecidos, com a possibilidade de fazer mais e melhor”.

As inscrições estão abertas para associados da SOCESP até 2 de outubro e para não sócios até 30 de setembro.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário
Por favor insira seu nome aqui

3 × 5 =

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.