Em 1º de março, documento passa a ser necessário para atendimento no Hospital Universitário de Jundiaí

Conforme anunciado em novembro do ano passado, a partir do dia 1º de março, todo paciente que passar por atendimento no Hospital Universitário de Jundiaí (SP), deverá apresentar documento de identificação com foto ou Certidão de Nascimento (cópias autenticadas serão aceitas). A medida faz parte da implantação do sistema de gestão integrada em saúde, que entra em operação na instituição nesta data. Caso o paciente não esteja com documentos, a assistência será prestada, no entanto, será concedido prazo para apresentação do mesmo.

A iniciativa auxiliará para maior eficiência na identificação adequada do paciente, evitando abreviações, erros de grafia, duplicidade e inclusão de outros dados que podem diferenciá-lo de homônimos. Também é importante ressaltar que a identificação correta é prevista nos protocolos básicos de segurança do paciente, aprovados pelo Ministério da Saúde, em 2013.

O hospital atende em média 10 mil pessoas a cada mês. Com o sistema integrado também será possível acompanhar toda a assistência prestada àquele indivíduo a partir do atendimento na recepção. Além disso, a equipe médica passará a ter acesso ao prontuário eletrônico do paciente, no qual consta todo seu histórico. “Este prontuário incluirá consultas anteriores, prescrições de medicamentos e outras informações que permitirão a busca por terapias mais eficazes para cada caso”, destaca a diretora clínica do HU, Dra. Ana Paula Felgueiras.

A apresentação de identificação é premissa para atendimento na rede de assistência em saúde de todo o Brasil. Mesmo assim, no HU, cerca de 40% das pessoas atendidas não apresentam documentos. Com esta medida, o hospital pretende prestar atendimento cada vez mais humanizado e eficiente ao paciente.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário
Por favor insira seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.