EMS apoia programa de intercâmbio internacional focado em pesquisa científica

Até o final deste mês, todos os 12 alunos de graduação em Medicina, participantes do FMUSP – Harvard Research Program 2020, estarão de volta ao Brasil após um ano de intercâmbio em pesquisa científica. A EMS, maior laboratório farmacêutico no Brasil, é um dos apoiadores financeiros da iniciativa, criada em 2006 por meio de uma parceria entre a Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (FMUSP) e a Harvard University, duas instituições de ensino de excelência e reconhecidas mundialmente. Ao promover a troca de experiências dos estudantes no campo científico e profissional, o FMUSP – Harvard Research Program influencia diretamente na formação médica dos profissionais brasileiros, transformando-os em verdadeiros multiplicadores da metodologia científica e da educação de qualidade na saúde – uma área dotada de inesgotável potencial de mudança para melhoria das condições de vida da população brasileira.

Os alunos, rigorosamente selecionados pela FMUSP, fazem um ano de estágio em laboratórios de pesquisa científica da Harvard University (Harvard Medical School) e, cientes do compromisso e da responsabilidade social, ao retornarem, participam de elaboração de artigos publicados em revistas médicas renomadas. Dentre as diversas áreas contempladas pelo programa estão Cardiologia, Neurologia, Radiologia Pediátrica, Cirurgia e Anestesiologia.

Em 2020, o processo seletivo escolheu 14 alunos para o intercâmbio, sendo que dois adiaram o programa para 2021 devido à pandemia.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário
Por favor insira seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.