Hospital Alemão Oswaldo Cruz ganha prêmio como melhor programa de saúde no local de trabalho

O Hospital Alemão Oswaldo Cruz, de São Paulo (SP), acaba de conquistar a 6ª edição do Global Healthy Workplace Awards, o mais importante prêmio em saúde e bem-estar populacional, organizado pelo Centro Global para Locais de Trabalho Saudáveis, que é copropriedade da Wolf Kirsten International Health Consulting e da i-genius.

O Hospital foi vencedor na categoria Grandes Empresas. A cerimônia de entrega do prêmio aconteceu no último dia 7 de setembro, em Bergamo, na Itália. O Global Healthy Workplace Awards foi conquistado com o Programa Bem-Estar, iniciativa relacionada à oferta de um ambiente de trabalho qualificado e saudável para os cerca 3 mil colaboradores da Instituição. Com o slogan “Quem é bem cuidado cuida Melhor” o Programa Bem-Estar existe desde 2010 e é reconhecido por sua relevância e potencial inovador, atuando na prevenção e no controle de riscos relacionados à saúde de seus colaboradores e de seus familiares, oferecendo serviços de medicina preventiva, gestão de doenças crônicas, acompanhamento com uma equipe interdisciplinar, workshops de alimentação saudável, atividades antiestresse, coaching de saúde e bem-estar, acupuntura, oficinas de canto e coral, além de academia na sede do Hospital Alemão Oswaldo Cruz.

Segundo o CEO do Hospital, Paulo Vasconcellos Bastian, a iniciativa valoriza os colaboradores e estimula mudanças graduais no seu estilo de vida e de seus familiares, promovendo saúde e bem-estar. “Todos estamos muito horados com mais essa importante conquista, pois temos como missão ser preciso e humano para garantir a melhor experiência e resultado em saúde de cada um dos nossos pacientes e isso também se aplica aos nossos colaboradores. Quem é bem cuidado cuida melhor. E isso só é possível em um ambiente de trabalho saudável. Foi com este propósito que nasceu o Programa Bem-Estar”, afirma Bastian.

Segundo o coordenador de Saúde Ocupacional do Hospital Alemão Oswaldo Cruz, Dr. Leonardo Piovesan Mendonça, a evolução do programa permitiu à Instituição ir além das questões regulatórias de saúde e segurança ocupacional e possibilitou ao Hospital traçar ações mais assertivas voltadas para a promoção da saúde e prevenção de doenças. Conseguindo, por exemplo, reduzir o índice de tabagismo dentro da organização, que atualmente está em torno de 4%.

“Outro ponto favorável e de mudança relacionada ao Programa é que os colaboradores têm se exercitado mais, se alimentado melhor e, consequentemente, estão mais saudáveis. A conquista desses resultados foi possível graças à adesão plena dos líderes e gestores, que difundem diariamente o conceito do programa para seus pares e equipes”, afirma Dr. Leonardo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário
Por favor insira seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.