Instituto de Medicina e Cidadania completa seis anos registrando 13 mil atendimentos voluntários

O Instituto de Medicina e Cidadania (IMC) está completando seis anos registrando em torno de 13 mil atendimentos nas três comunidades em que atua: Morro Azul, no Flamengo, Parque da Cidade, na Gávea e Tavares Bastos, no Catete. Além de contar com outros médicos voluntários que atendem gratuitamente os moradores dessas comunidades em seus consultórios, com hora marcada.

Localizado na Gloria, conta com 16 médicos voluntários, de várias especialidades: clínica geral, angiologia, dermatologia, ortopedia, urologia, pediatria e oftalmologia. Além psicólogos, nutricionistas e fisioterapeutas. Eles atendem gratuitamente no posto de saúde das comunidades ou em seus consultórios. A prioridade é a prevenção e o acompanhamento periódico dos pacientes.

O IMC era um projeto antigo do médico Luiz Roberto Londres que sempre defendeu a recuperação do sistema público de saúde. Ex-dono da Clínica São Vicente, que dirigiu por 50 anos, ele criou o Instituto de Medicina e Cidadania (IMC) para pôr em prática suas ideias.

A criação do Instituto de Medicina e Cidadania foi um trabalho que uniu também o médico Félix Zyngier, que se dedica há tempos a trabalhos sociais e mantém um projeto há mais de 20 anos no Morro Azul. É dele a frase que se tornou lema no IMC: “Só quem faz trabalho voluntário sabe o prazer que dá”.

Campanha de Doação

Desde o início da pandemia o IMC iniciou uma campanha de doação de cestas básicas para ajudar as famílias das comunidades em que atua e tem enviado mensalmente, sem interrupção, cestas básicas. “A ideia da campanha partiu dos profissionais de saúde voluntários, pois a fome e desemprego aumentaram muito. Então, o IMC resolveu atuar para conseguir doações”, explica Claudio Vieira, Diretor Executivo do IMC. O projeto já conseguiu doar, até o momento, três mil cestas.

Doação e voluntários

Para que esse trabalho continue e consiga se manter, o Instituto de Medicina e Cidadania precisa de voluntários e doações. O IMC aceita doações através de depósito bancário ou PIX , cadastro de novos voluntários, além de parcerias com instituições e empresas que queiram se juntar para ajudar o desenvolvimento desse trabalho.

Para saber mais sobre o trabalho do IMC, acesse: www.medicinaecidadania.org.br

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário
Por favor insira seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.