Instituto Protea estabelece parcerias em prol da luta contra o câncer de mama

O Instituo Protea, fundado em 2018, atua diretamente no suporte e viabilidade no tratamento do câncer de mama para mulheres, acreditando que todas têm o direito à vida em sua plenitude e, portanto, devem receber um tratamento digno, de qualidade e de forma ágil após o diagnóstico. Com ampla atuação durante todo o ano, a ONG se prepara para o Outubro Rosa de 2021 e recruta empresas interessadas em estabelecer parcerias para ações que promovam a visibilidade da batalha contra o câncer de mama.

“O que me levou a fundar o Protea foi o inconformismo com as diferentes realidades, entre uma pessoa como eu, que pude me tratar e ter a chance de cura, e uma pessoa que não tem seguro-saúde no Brasil, se vendo obrigada a esperar meses para começar o tratamento sabendo que tem a doença. Foi por isso que criei o instituto. Nosso objetivo é que a taxa de mortalidade do câncer de mama no Brasil, que é de 27% em 5 anos, caia para algo mais próximo dos Estados Unidos, que é entre 5 e 8%. Todo este contexto faz do Protea meu propósito de vida e, junto a este grupo de mulheres e homens que reunimos, queremos fazer a diferença para a sociedade de um modo geral”, afirma Gabriella Antici, fundadora do Instituto Protea.

Mais de 70 empresas já fecharam parceria com o Instituto e a expectativa é superar o número de apoiadores de 2020, quando mais de 100 instituições diversas firmaram ações parceiras com o Protea. A campanha de doação voluntária e arrecadação de recursos também contempla a colaboração de pessoa física. Para doar, basta acessar o site oficial ou utilizar os dados bancários abaixo:

Banco Itaú (341) / Agência 9337 / Conta Corrente 12887-1 / Instituto PROTEA, CNPJ 30.817.976/0001-12 / Pix 30.817.976/0001-12. Após o depósito, o comprovante deverá ser enviado para financeiro@institutoprotea.org.br.

O foco da ONG, desde sua criação, é viabilizar tratamentos contra o câncer de mama para mulheres de baixa renda. Em apenas três anos, já foram realizados mais de vinte mil exames e consultas, além de cirurgias, quimioterapias e radioterapias, impactando quase três mil mulheres – com o tratamento completo, já foram atendidas 770 mulheres.

“O tratamento contra o câncer de mama é muito caro e demanda um compromisso de 11 meses com a paciente, por isso buscamos esses recursos financeiros no Outubro Rosa”, complementa Cristina Assumpção, diretora executiva do Protea.

No ano passado, 44% dos recursos vieram de campanhas no Outubro Rosa, portanto, a expectativa do time Protea com 2021 é relevante, já que cada doação pode literalmente ajudar a salvar vidas. Como no Brasil, 75% das pessoas não possuem plano de saúde, o Instituto almeja impactar, ao menos, 1.300 mulheres, durante este ano.

No decorrer desses três anos de atividade, o Instituto Protea estabeleceu atuação em parceria com o Hospital Santa Marcelina, de São Paulo (SP), e desenvolveu diferentes modelos de ações conjuntas com empresas e organizações.

Parceria de Conscientização: A equipe do Protea leva às empresas parceiras médicos de seu Conselho ou líderes do Instituto para falar sobre o câncer de mama, métodos de prevenção e exames de rotina.

Parceria de Divulgação: O Instituto desenvolveu um modelo de parceria para empresas que tenham o interesse em divulgar a atuação do Protea, em variados tipos de comunicação, como Redes Sociais, por exemplo.  Este é um movimento de suma importância para a organização, que pode crescer em número de seguidores e impacto das suas ações e mensagens.

Parceria de doação de recursos: O formato de parceria para doação financeira permite que empresas desenvolvam ou utilizem seus produtos em campanhas de vendas com doação de parte dos recursos para o Instituto Protea. Os valores correspondentes são utilizados exclusivamente no custeio de tratamentos contra o câncer de mama. Essas ações impactam diretamente no número de mulheres tratadas.

Alguns exemplos de doação de recursos que traduzem o modelo acima foram adotados por empresas como Lojas Marisa e Le Lis Blanc. A primeira, além de criar uma linha de produtos para mulheres mastectomizadas, doa parte das vendas de toda a sua linha de moda feminina para o Instituto Protea, no Dia Rosa (data em que a marca promove ações do Outubro Rosa). Já a segunda marca, desenvolveu uma vela decorativa e uma linha de pratos e tigelas com 100% do lucro das vendas destinados ao Instituto.

Com estes moldes de parcerias estabelecidos, o Protea ressalta a importância de cada um e estabelece uma relação de confiança com as empresas interessadas. Todo o trabalho do Instituto, desde sua fundação, é auditado pela KPMG. Entre as empresas que já mantém parceria firmada com o PROTEA atualmente, estão: CCR, BTG Pactual, JCDecaux, Instituto Avon, JP Morgan, Lojas Marisa, Strava, Le Lis Blanc, entre outras.

Os números do câncer de mama no Brasil

Mais de uma em cada quatro mulheres com câncer de mama, no Brasil, perde a batalha pela vida. (Nos países desenvolvidos, menos de 1 em cada 10 mulheres morre). Durante o ano de 2021, estima-se que 66 mil novos casos de Câncer de mama serão diagnosticados e, segundo especialistas, após a pandemia da covid-19, pode haver uma epidemia de casos avançados de câncer de mama. Isso por que aconteceram diversos cancelamentos de cirurgias e redução do número de mamografias em 2020 e 2021, além da suspensão de tratamentos.

A taxa de mortalidade pela doença, segundo estimativas do Oncoguia, subiu para 27.6%, índice inaceitável para uma doença que, se tratada precocemente, tem 95% de chances de cura.

Em números, os dados abaixo, correspondentes a 2020, apresentam uma dimensão dos riscos:

– Queda de 49.1% no número de mamografias realizadas;

– Redução de 39.1% na quantidade de biópsias;

– Diminuição de 16.2% nas cirurgias.

– Em 2020, 1.000.000 (um milhão) de mulheres deixaram de fazer mamografia (Fonte: DataSUS)

Fonte: INCA (Instituto Nacional do Câncer) e dados da Roche e do Radar do Câncer

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário
Por favor insira seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.