Levantamento do H.Olhos aponta crescimento de 23% no diagnóstico de miopia em crianças

Um estudo realizado pelo H.Olhos, hospital referência no tratamento de casos de alta complexidade em oftalmologia, da rede Vision One, mostra um aumento de 23% de diagnósticos de miopia em crianças de 0 a 12 anos. A média de atendimento no 1º semestre de 2021 foi de 425 pacientes, enquanto no mesmo período deste ano, foi 538. De acordo com especialistas do hospital, o aumento de casos de miopia pediátrica pode ser relacionado ao uso excessivo de aparelhos eletrônicos, como celulares, tablets, computadores e outros dispositivos.

Estudos mostram que a luz emitida por esses aparelhos eletrônicos pode prejudicar a visão, além do fato de que a exposição às telas leva à redução do piscar, causando sensação de visão embaçada, irritação, ardência, olho seco. Nos casos mais graves, pode levar ao surgimento de miopia precoce em crianças e adolescentes. “A chamada Síndrome Visual do Computador (SVC) leva a um quadro de miopia acomodativa, que é uma dificuldade temporária de enxergar de longe”, alerta Dra. Helena Costa, oftalmologista do H.Olhos.

O período de férias é um bom momento para as crianças fazerem um “detox digital”, evitando o excesso de telas, principalmente à noite. Segundo a médica, além dos problemas oculares, a luz azul emitida por esses aparelhos faz com que o cérebro entenda que ainda está de dia e precisa ficar alerta. “O ideal é que, a cada 2 horas em frente a uma tela, a criança faça uma espécie de descanso da visão, olhando para um ponto distante, por 20 minutos”.

Sintomas

A miopia se caracteriza pela dificuldade de enxergar de longe. À distância, os míopes enxergam sempre desfocado. Devido ao constante esforço para identificar os objetos, as dores de cabeça podem se tornar bastante comuns.

Prevenção

“Detox digital”: Brincadeiras tradicionais como pega-pega, esconde-esconde, jogos com bola, entre outros, são excelentes oportunidades para deixar as telas de lado. O “modo brincar” ao ar livre é essencial não só para a visão, mas também para uma infância saudável!

Descansar os olhos é importante: Faça pausas 2 minutos a cada 2 horas. Amplie a visão olhando alguns segundos para pontos distantes.

Ajuste o brilho das telas: Aumentar o contraste e reduzir o brilho facilita a leitura e força menos os olhos. Além disso, o modo noturno dos aparelhos reduz a emissão da luz azul.

Invista em boas telas: Filtros antirreflexo e monitores LCD possuem melhor resolução e auxiliam com uma visualização mais confortável.

Não esqueça de piscar: Diante das telas piscamos menos. A média de 15 a 20 piscadas por minuto cai para 6 a 8.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário
Por favor insira seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.