Sociedades médicas divulgam posicionamento oficial sobre urgência da vacinação contra Covid-19

A Sociedade Brasileira de Geriatria e Gerontologia (SBGG), juntamente com outras sociedades médicas filiadas do Brasil, divulgaram nesta terça-feira (19) posicionamento oficial sobre a Covid-19 e urgência para a vacinação contra a doença.

O documento oficial elaborado pelas entidades traz fundamentos científicos sobre os resultados da vacinação, bem como manter as conhecidas medidas preventivas que reduzem a transmissão do SARS-Cov-2. Além disso, salienta a importância de uma imperativa ação contra disseminação de fake news e desinformação sobre a real eficácia e segurança das vacinas.

Desde o dia 8 de dezembro de 2020, quando a primeira dose da vacina foi administrada no ocidente, já são 23 milhões de aplicações realizadas com segurança em mais de 50 países. A maioria das pessoas vacinadas não apresenta efeitos colaterais, sendo nulos os casos de efeitos graves. Nenhuma morte relacionada à vacinação contra a Covid-19 foi descrita até o momento. A doença já causou mais de 1.900.000 óbitos globalmente.

”A SBGG reforça a importância de iniciar a vacinação para os 30,2 milhões de brasileiros que estão acima dos 60 anos de idade que, segundo dados do próprio Ministério da Saúde, foram os mais atingidos pelo Covid-19, sendo que a faixa etária entre 60 e 79 anos concentrou 46,9% das mortes e os idosos com 80 anos ou mais somaram 22,3%”, alerta Dra. Maisa kairalla, coordenadora de imunização da Sociedade Brasileira de Geriatria e Gerontologia.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário
Por favor insira seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.