ABIIS reforça cinco sugestões para o aprimoramento do setor de saúde

855

A Aliança Brasileira da Indústria Inovadora em Saúde (ABIIS) parabenizou o presidente eleito Jair Bolsonaro pelo desempenho nas eleições finalizadas no dia 28 de outubro, por meio de uma carta. O documento assinado pelo diretor-presidente, Walban Damasceno de Souza, foi entregue no Gabinete de Transição em Brasília (DF), no dia 20 de novembro, dia em que o deputado Luiz Henrique Mandetta (DEM-MS) foi anunciado como o futuro Ministro da Saúde. A entidade reforça cinco sugestões para o aprimoramento do setor de dispositivos médicos, já enviadas aos candidatos à presidência, antes do pleito.

A ABIIS destaca que as reflexões trazidas no documento estão alinhadas com a Proposta de Plano de Governo apresentada por Bolsonaro ao TSE, “em especial com os Desafios Urgentes da Saúde, considerada à beira do colapso, bem como no combate complexidade burocrática que muitas vezes paralisa os negócios no país e na transparência como ferramenta no combate à corrupção”, afirma a carta.

As sugestões seguem os cinco princípios fundamentais da Aliança, que congrega as principais associações do setor de dispositivos médicos no país – Associação Brasileira da Indústria de Alta Tecnologia de Produtos para Saúde (ABIMED), Associação Brasileira de Importadores e Distribuidores de Produtos para Saúde (ABRAIDI) e Câmara Brasileira de Diagnóstico Laboratorial (CBDL):

1) Regulação Inteligente;

2) Aprimoramento Institucional dos Reguladores;

3) Incorporação Racional de Tecnologias;

4) Aprimoramento do Ambiente de Negócios;

5) Ética e Compliance.

A ABIIS representa 550 empresas atuantes na produção, importação, exportação e distribuição de dispositivos médicos. As atividades desempenhadas pelo setor representam um mercado estimado em US$12 bi/ano e geram 134 mil empregos diretos e 239 mil empregos indiretos, conforme levantamento da WebSetorial Consultoria Econômica.

Walban Damasceno de Souza encerra reafirmando o compromisso da ABIIS em trabalhar em parceria com o novo governo, bem como a intenção de colaborar com dados, informações e propostas para o setor saúde, em especial para as questões relacionadas aos dispositivos médicos.

Deixe seu comentário