Capacitação gratuita auxilia profissionais do Rio Grande do Norte a atuarem em UTIs Covid

Mais de 400 profissionais de saúde do Rio Grande do Norte estão inscritos na primeira turma da Operação Capacita, força-tarefa iniciada pela startup social SAS Brasil para a capacitação gratuita em terapia intensiva com foco em atendimento de pacientes graves com Covid-19. A formação é voltada para médicos, enfermeiros, técnicos e fisioterapeutas.

“Com o colapso generalizado e o esgotamento dos profissionais de saúde em atuação na linha de frente do combate ao Coronavírus, é essencial garantir novas equipes qualificadas para atuação na terapia intensiva de pacientes com quadros graves de Covid-19”, afirma Adriana Mallet, médica e CEO da SAS Brasil.

Os inscritos tiveram acesso ao conteúdo online e agora seguirão para a parte prática. Serão dois níveis de formação: básico (Basic Life Suport – BLS) e avançado (Advanced Life Suport – ALS, com foco em Covid). Os profissionais de saúde aprenderão sobre EPIs, abordagem sistematizada do paciente com Covid e princípios e manejo básico de via área e ventilação mecânica. No nível avançado, os alunos realizam práticas avançadas de manejo de via aérea, ventilação mecânica, protocolo de manejo Covid e manejo de paciente pronado. Nessa etapa, os profissionais realizam práticas de entubação, procedimento crucial para pacientes graves com Covid-19, em manequins.

As aulas presenciais acontecerão em uma das Unidades Móveis de Saúde da SAS Brasil. A estrutura é uma carreta adaptada com consultórios médicos e foi doada pela Mercedes-Benz à instituição. A carreta ficará estacionada no campus do IFRN em João Câmara.

Desde 2013, a SAS Brasil é a dimensão social oficial do Rally dos Sertões, maior competição off road das Américas que terá largada inédita do Rio Grande do Norte. A iniciativa é fruto da articulação do Governo do Rio Grande do Norte que desde 2019 buscou soluções para sediar as duas largadas: o Rally dos Sertões e o primeiro Rally de Kitesurf de longa distância. O evento é muito maior que uma competição, pois envolve ações nas pastas da saúde, educação, cultura e turismo.

No RN, a Operação Capacita conta com o apoio da Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap), através da Coordenadoria de Gestão do Trabalho e Educação na Saúde (CGTES) e Coordenadoria de Atenção a Saúde (CAS). A organização leva atendimento em saúde especializada para regiões carentes de atendimento médico presencial e remoto. No Rio Grande do Norte, a organização já realizou mais de 5 mil teleatendimentos desde 2020.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário
Por favor insira seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.