Consultores do Hospital Albert Einstein visitam Hospital Universitário de Jundiaí

O Hospital Universitário de Jundiaí (SP), através da UTI Neonatal, está participando do projeto “Saúde em Nossas Mãos – Melhorando a Segurança do Paciente em Larga Escala no Brasil” através do Programa de Desenvolvimento Institucional do Sistema Único de Saúde – PROADI-SUS do Ministério da Saúde. Entre 400 hospitais, o HU foi selecionado e está sendo acompanhado pelo Hospital Albert Einstein, que é responsável pelas sessões virtuais de treinamento, assim como o suporte contínuo e pelas visitas virtuais ou presenciais.

Nesta segunda, o HU recebeu mais uma visita técnica de monitoramento dos consultores Youri Eliphas de Almeida e da enfermeira sênior da UTI Neonatal Zélia Fernanda Freria do Albert Einstein. Eles foram recebidos por toda equipe que está participando do projeto como SCIH, hotelaria, qualidade, gerência assistencial, diretoria clínica e técnica e puderam após oito meses da primeira visita ver como as coisas estão caminhando na UTI Neonatal.

O objetivo desse projeto é a redução de 30% das infecções relacionadas a assistência a nível nacional, e isso a instituição vem fazendo com muito sucesso. “Aderimos as mudanças e as atualizações dos protocolos. Está ocorrendo uma grande participação das equipes e o reflexo disso são as taxas de infecção que diminuíram, superando as metas estabelecidas”, comentou a médica do controle de infecção do HU, Dra. Márcia Borges Machado.

Youri ficou impressionado com os resultados desde o começo do programa. “Os profissionais da UTI Neonatal estão de parabéns, todos as adequações exigidas foram realizadas com sucesso, além de melhorarem a taxa de infecção que é o principal objetivo do “Saúde em Nossas Mãos”. Os resultados foram mais que positivos”.

Para a enfermeira Zélia, o HU apresenta muita organização no setor. “Encontrei uma UTI Neonatal muito estruturada, silenciosa e com pequenos detalhes para serem aprimorados”.

O grande objetivo desse projeto além da redução das infecções hospitalares a nível nacional é promover o suporte técnico e metodológico para que os hospitais selecionados possam implementar ou aprimorar o seu desempenho na Segurança do Paciente por meio da aplicação de diretrizes de práticas seguras para prevenção de infecção.

O programa “Saúde em nossas mãos” tem duração de 24 meses.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário
Por favor insira seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.