Einsten chega a Curitiba com 13 cursos de Pós-graduação

Por meio de um convênio com a Universidade Positivo, o Instituto Israelita de Ensino e Pesquisa Albert Einstein chega a Curitiba com cursos de Pós-graduação Latu Sensu na área de saúde. Para 2019, são 13 opções de especializações voltadas a médicos, enfermeiros, fisioterapeutas, nutricionistas, gestores, engenheiros e demais profissionais ligados ao setor hospitalar. Os cursos são coordenados por profissionais do Hospital Israelita Albert Einstein, reconhecido pelo décimo ano consecutivo como o melhor hospital da América Latina pelo Ranking América Economía Intelligence.

Os interessados devem passar por três etapas: preenchimento dos dados do candidato, pagamento do boleto da taxa de inscrição – no valor de R$ 50,00 – e preenchimento do questionário de análise curricular. Depois disso, o candidato será contatado para realizar a entrevista por telefone. As inscrições estão abertas, com vagas limitadas, e podem ser feitas pelo site www.einstein.br/ensino/Paginas/pos-graduacao.aspx.

Um dos cursos mais procurados é o de Especialização em Emergências Pediátricas, que promove discussões atualizadas com a melhor evidência científica e apresentação de casos clínicos em aulas interativas, desde a abordagem diagnóstica até a melhor intervenção terapêutica. Coordenado pelos médicos Carlos Augusto Cardim de Oliveira e Eduardo Juan Troster, o curso conta com professores do corpo clínico do Hospital Israelita Albert Einstein, uso de metodologias ativas de ensino, aulas no Centro de Simulação Realística para a aplicação prática dos conhecimentos e ensino aplicado de medicina baseada em evidência e em epidemiologia clínica. As aulas iniciam em abril de 2019 e acontecem às sextas-feiras, das 10h às 22h30, e aos sábados, das 8h às 17h, no câmpus sede da Universidade Positivo.

Inédito em Curitiba, o curso de Especialização em Engenharia Clínica é voltado a engenheiros eletrônicos, tecnólogos e outros profissionais envolvidos na área de Engenharia Clínica e com vivência em equipamentos hospitalares. O currículo proposto prepara o profissional para atuar em instituições de saúde, tanto na administração das áreas de tecnologia médica quanto no gerenciamento de todo o parque tecnológico. Por meio da integração das disciplinas de anatomia, fisiologia e instrumentação, em paralelo à apresentação de todas as ferramentas de suporte para as melhores práticas na área, o curso tem como foco desenvolver um completo entendimento da gestão das tecnologias médicas. O aluno terá contato com a infraestrutura do Einstein, que conta com equipamentos e tecnologias de última geração.

A Especialização em Engenharia Clínica apresenta as principais doenças e sistemas do corpo humano, associando-os ao uso das respectivas tecnologias para facilitar o processo de comunicação com a Equipe Médica e Assistencial. Também são expostas e analisadas as mais diversas tecnologias médicas, desde o equipamento de pressão arterial até os mais complexos equipamentos de Imagem e Diagnóstico, permitindo ao estudante identificar, avaliar e propor melhorias nos processos de gestão de Seleção e Aquisição, Manutenção Corretiva, Manutenção Preventiva, Treinamento de Usuários e Desativação. Ao final do curso, o profissional estará apto a planejar, implementar e avaliar um programa de Gestão de Tecnologias Médicas, contribuindo para a segurança do paciente e melhoria do desempenho das organizações. O curso é coordenado por Antonio Gibertoni Junior, gerente de Engenharia Clínica do Hospital Israelita Albert Einstein, e Berthone Venâncio Soares, coordenador da Engenharia Clínica do Hospital Israelita Albert Einstein. As aulas iniciam em abril, no câmpus sede da Universidade Positivo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário
Por favor insira seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.