Estudantes da Unicid seguem com Banco de Órteses e Dispositivos Auxiliares gratuito para ajudar população

Pensando na importância da acessibilidade e sustentabilidade nos dias atuais e em contribuir com a população, a Universidade Cidade de São Paulo (Unicid), instituição que pertence ao grupo Cruzeiro do Sul Educacional, iniciou o Movimento Universitário Circular (MUC), com doações e empréstimo de Órteses e Dispositivos Auxiliares. A ideia é auxiliar e facilitar a doação de diversos materiais ortopédicos que poderão contribuir com à comunidade.

As órteses são dispositivos que têm por objetivo apoiar, auxiliar e proteger o sistema locomotor. E podem ser utilizadas para imobilização, mobilização, correção, alívio e estabilização de uma parte do corpo. Sendo possível utilizar a órtese para corrigir a postura e o movimento. Também está contemplado a doação de cadeiras de rodas e muletas.

Atualmente, o Brasil tem em torno de 20 milhões pessoas que necessitam de órteses e dispositivos auxiliares, e o Sistema Único de Saúde – SUS não consegue atender a todos que estão na fila por equipamentos, se estima que não atendem nem 0,3% dessa demanda, além dos produtos terem qualidades muito baixas que por vezes acabam nem tendo o efeito esperado.

Esses foram os principais motivos que levaram o curso de Fisioterapia implementar o Banco de Órteses e Dispositivos Auxiliares, visando contribuir com a população e auxiliar a proporcionar melhorias na qualidade de vida dessas pessoas. “O projeto tem em vista auxiliar pessoas de baixa renda a adquirirem equipamentos emprestados, por meio de doações de outras, ao invés de deixarem parados em suas casas sem utilidade. Além de ajudar para não precisarem esperar pelo SUS, ou ter que investir em um novo”, aponta a docente.

“Esses aparelhos na maioria das vezes são utilizados apenas por determinado período e depois não possuem mais finalidade, ou até são esquecidos em locais públicos, porém, podem ser muito úteis à outras pessoas, ajudando também, desta forma, o meio ambiente, evitando o desperdício de um material tão durável, ” explica.

O Projeto Movimento Universitário Circular está alinhado com a proposição dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável, onde a reutilização de produtos, além de minimizar as dificuldades sociais e econômicas intensificadas pela pandemia, através deste projeto de economia circular, afirma a professora Maria Elisabete, Assessora de Extensão da Unicid.

Como funcionará o Movimento Universitário Circular

O Movimento Universitário Circular segue aberto para receber doações de muletas, bengalas, talas, tipoia, estabilizadores, prótese, cadeiras de rodas, andadores e similares, para posteriormente ficarem disponíveis para empréstimo a população de São Paulo.

Para doar esses equipamentos ou adquirir, os interessados devem preencher o formulário ou procurar pela Unicid para realizar todo o processo de avaliação com preenchimento de ficha e termos de doação ou empréstimo.

Os equipamentos doados serão avaliados e separados, armazenados de forma prática e planificados com suas características gerais. Assim que um receptor contatar, serão analisados os aparelhos que estiverem disponíveis, e o beneficiário também passará por uma avaliação para verificarem se o dispositivo é adequado ao aspecto físico e atende as necessidades do indivíduo.

Em caso negativo, a pessoa que está em busca da doação entra para uma lista de espera e será chamada quando outro equipamento que esteja de acordo com sua necessidade esteja disponível.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário
Por favor insira seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.