Grupo Santa Joana implementa projeto de transformação digital em seus hospitais

444

O Grupo Santa Joana está implementando um grande projeto de transformação digital, que recebeu o nome de Conecta. Através dele ocorrerá uma reformulação geral dos sistemas de informação visando a integração geral dos processos das unidades do Grupo, que contempla o Hospital e Maternidade Santa Joana, a Maternidade Pro Matre Paulista e o Hospital e Maternidade Santa Maria. Devido à amplitude e complexidade do programa, a Instituição iniciou no segundo semestre do ano passado o diagnóstico e a análise dos processos para entender a realidade e para desenvolver soluções em TI focadas nas necessidades dos hospitais do Grupo.

Dentre os resultados da análise para as diretrizes do Conecta, foi constatada uma demanda por um projeto robusto para atender as necessidades do maior grupo de maternidades do país, sem perder em qualidade e segurança de pacientes e corpo clínico, prioridades da Instituição. Por esse motivo, o Conecta foi formulado de maneira precisa, com a intenção de padronizar processos dentro dos hospitais do Grupo e, também, aumentar a individualização da assistência ao paciente, trazendo uma experiência cada vez mais personalizada.

Além do rigor de processos, o diferencial do programa é ser sustentável. “A ideia é promover a otimização e integração dos excelentes recursos humanos e dos equipamentos de ponta, através da tecnologia, sem desalinhar o cotidiano dos profissionais”, explica Dr. Francisco Neri, CMIO do Grupo Santa Joana.

Por esse motivo, uma das características mais marcantes do Conecta é a integração promovida pelos gestores de TI entre as equipes dos hospitais, que propõe a captação de vivências de quem está no cotidiano dos processos para aprimorar o atendimento. Para isso, laboratórios de testes já estão em funcionamento nos hospitais do Grupo Santa Joana. Neles, colaboradores e a equipe de soluções em TI simulam todos os processos hospitalares para apresentar os novos sistemas, capacitar funcionários, corrigir falhas e aprimorar métodos, tudo isso em um ambiente coletivo que favorece o engajamento com as novidades.

Para Vinicius Oliveira, diretor de Operações do Grupo Santa Joana, a melhoria dos processos contribui para a atualização, bem como fortalece e proporciona mais ferramentas para otimizar o cuidado. “Com a segurança e a facilidade dos dados, é possível avaliar com mais proximidade cada paciente de acordo com suas singularidades, o que permite ampliar a precisão de tratamentos e diagnósticos nas instituições do Grupo”, completa.

De acordo com Martinho Repullio Salvador, gerente de Tecnologia da Informação do Grupo Santa Joana, nesse momento a Instituição está ampliando a comunicação clínica. “Quando informatizamos todos os processos, passamos a nos enxergar digitalmente, melhorando a comunicação e articulação das equipes”, explica.

O Projeto Conecta eleva o Grupo Santa Joana para um novo patamar de maturidade no uso das tecnologias em saúde alinhando cuidado integral e transformação digital.

Deixe seu comentário