Inalação: aliada na época mais fria do ano, além de tratar, previne doenças respiratórias

As doenças respiratórias são muito comuns em alguns períodos do ano, especialmente durante o outono e o inverno em decorrência da queda nas temperaturas e o tempo seco. Além disso, elas surgem com mais frequência em pessoas que pertencem aos grupos de risco, como crianças e idosos.

Geralmente, a obstrução das vias respiratórias é causada pelo excesso de mucos, o que dificulta a entrada e a saída de ar. A inflamação acomete especialmente o trato aéreo inferior em decorrência de doenças agudas ou crônicas, como asma, bronquite, pneumonia, sinusite, rinite alérgica, fibrose cística, rinossinusite, bronquiectasia, bronquiolite, faringite, amigdalite, doença pulmonar obstrutiva crônica (DPOC), entre outras.

A inalação é um tipo de aerossolterapia que utiliza vapores como via medicamentosa para desentupir as vias aéreas, permitindo que a solução, geralmente corticoides e broncodilatadores de efeito descongestionante, chegue mais rápido aos brônquios e melhore a respiração. Ao serem umidificadas, as secreções viram fluídos amolecidos que são eliminados pelo organismo, aliviando sintomas incômodos como chiado, respiração curta, tosse, coriza, espirros e obstrução nasal, proporcionando sensação de alívio e bem-estar.

O inalador é capaz de transformar um medicamento líquido em aerossol, com finas partículas suspensas. Nesse estado, ele é melhor absorvido pelos brônquios e pulmões, sem perder seus princípios ativos. Logo, há maior eficiência na atuação do princípio farmacêutico da medicação, sendo uma maneira mais ágil e eficaz de tratar, já que a administração via oral demanda mais tempo até ser processada pelo organismo e começar a fazer efeito.

Além disso, a ingestão de determinados medicamentos pode causar efeitos colaterais diversos, como dores de cabeça, taquicardia e aumento da pressão arterial. Já o tratamento via inalação do remédio costuma apresentar menos efeitos colaterais. Outra vantagem é que não há contraindicações. Desde que as recomendações médicas sejam rigorosamente seguidas, qualquer pessoa pode fazer uso da inalação, incluindo bebês, crianças, adultos, idosos, gestantes e até mesmo portadores de doenças crônicas.

INALAÇÃO PREVENTIVA EM HOME CARE

Quando feita com frequência, a inalação também evita falta de ar e reduz o risco de chiados no peito. Isso significa que o inalador não é um aparelho apenas para tratar doenças, atuando também na prevenção. Há algumas décadas a inalação era realizada somente em hospitais e consultórios médicos. Hoje, porém, com o avanço da tecnologia, é possível encontrar diferentes modelos portáteis para o combate às infecções das vias aéreas.

Quem vive em grandes cidades urbanas sofre com a poluição do ar causada por partículas de fumaça, poeira e fuligem no ar. É comum, então, o surgimento de doenças, sendo a inalação uma alternativa para preveni-las e reduzir a sensação de secura no nariz e na garganta, já que o vapor umidifica também as cordas vocais, hidratando a região e evitando o acúmulo de muco e outras secreções que podem causar desgastes na voz.

É aí que surge a importância de se ter um inalador em casa. Como o procedimento é simples e prático, muitas crises de asma e bronquite também podem ser rapidamente amenizadas e, dependendo da intensidade, até mesmo totalmente controladas com o aparelho, evitando assim a ida a uma unidade de saúde, principalmente em um momento tão delicado da pandemia de Covid-19, com superlotações e risco de contágio. Todavia, é importante esclarecer que a automedicação não é recomendada, sendo necessária prescrição médica para a realização do procedimento de forma medicamentosa.

TIPOS DE INALADORES

Os inaladores nebulizadores são aparelhos de fácil manuseio, funcionalidades simples e uso intuitivo. Os principais tipos disponíveis no mercado são ultrassônico, ar comprimido e rede vibratória, que é a tecnologia mais moderna disponível hoje no mercado. Além de entender a diferença entre eles, é importante prestar atenção em suas características para escolher o modelo mais adequado às necessidades.

Fabricante da renomada marca de produtos médicos Medicate, a Dorja tem em seu portfólio uma vasta e completa linha para uso residencial, certificada pelo Inmetro. Com design inovador, todos os modelos são portáteis, leves e práticos, dispensam o uso de copinhos descartáveis ao permitir que o medicamento seja colocado diretamente no recipiente, e acompanham duas máscaras macias e confortáveis, produzidas em material atóxico com confiabilidade confirmada por testes de biocompatibilidade, sendo uma para uso adulto e uma para uso infantil.

Rede vibratória:

Compacto, o inalador de rede vibratória tem tecnologia Mesh com membrana microperfurada no reservatório que produz moléculas de tamanho perfeito para serem inaladas com facilidade. Ideal para quem faz inalação com certa frequência, é silencioso e, por ser pequeno, é fácil de limpar, armazenar e transportar.

Air Mesh Colors

Atualmente considerado o modelo mais avançado disponível no mercado, proporciona o conforto de realizar a inalação em qualquer lugar, até mesmo no carro durante passeios e viagens. Essa tranquilidade que permite ao indivíduo fazer o procedimento assim que começa a sentir algum desconforto só é possível graças à inovadora tecnologia de rede vibratória, disponível nos modelos MD4400, MD4500, MD4600 e MD4700, lançamentos da Dorja/Medicate.

Único deste tipo fabricado no Brasil, o Air Mesh Colors, antes disponível apenas com alimentação USB, agora conta também com versão de bateria recarregável. Super prático para o dia a dia, realiza inalação com o paciente em qualquer posição, inclusive deitado, sem derramar a medicação. A moderna tecnologia Mesh permite a nebulização de maneira eficaz, com grande volume de névoa e sem desperdício. Possui ainda um sistema de limpeza integrado exclusivo e timer de desligamento automático.

Ultrassônico:

MD3000

O modelo ultrassônico, por sua vez, tem como diferencial o fato de ser muito silencioso, atuando ao “quebrar” moléculas do medicamento e produzir uma névoa fina, facilmente absorvida pelo organismo e mais bem aproveitada. É indicado para prevenção e tratamento de problemas pontuais, que não necessitem de medicamentos específicos, como corticóides.

O MD3000 possibilita maior aproveitamento da medicação e é uma ótima opção de inalador residencial, pois possui sensor de falta de líquido e timer de desligamento automático, além de baixo consumo de energia.

Ar comprimido/pneumático:

Por fim, o inalador de ar comprimido, também chamado de pneumático, é um modelo tradicional que tem como vantagem a possibilidade de inalação de diversos tipos de medicamentos, sendo indicado para quem realiza tratamentos com frequência.

MD1000 AZT, MD1300 e MD1000, respectivamente

Os modelos MD1300, MD1000 e MD1000 AZT são bivolts através de chave seletora, com compressor de ar comprimido de elevado desempenho. O MD1000 acompanha copinho dosador que facilita a colocação do medicamento e não derrama. Já os modelos MD1000 AZT e MD1300 contam com copinho turbo graduado com alto poder de névoa. O MD1300 possui ainda encaixe para as mãos que facilita o transporte e suporte para o copinho.

MD1500 RG

Novidade, o Air Comp com regulagem de névoa MD1500 RG é bivolt automático e conta com um compressor de ar comprimido compacto que se destaca pelo baixo consumo de energia e menor produção de ruído. Possui exclusivo copinho de nebulização com escala graduada e tampa reguladora que permite o ajuste da intensidade da névoa em três níveis: forte, médio e fraco, trazendo ao paciente maior conforto e comodidade. Tem ainda suporte especial para o copinho para que não seja necessário desconectar a mangueira.

Já a versão Air Comp turbo MD1500T tem como diferencial um copinho turbo de alta performance, que faz com que a nebulização seja intensa, com maior produção de névoa e em menor tempo.

Central de vendas: (11) 3872-4266

E-mail: vendas@jamir.com.br

Site: www.medicate.com.br

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário
Por favor insira seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.