Modelo americano de saúde é tema de debate durante seminário

Mudar o jeito de entregar a saúde ao paciente e trazer uma possível solução para a integração do cuidado à saúde no Brasil através da implantação da ACO – Accountable Care Organization. Este será o tema abordado pela AsQ no 12º Seminário UNIDAS, evento que será realizado de forma online nos dias 4 e 5 de agosto.

Durante o evento, será disponibilizado aos participantes uma Open Class gravada na plataforma do seminário com o tema: ACO – Accountable Care Organizations – Como está chegando no Brasil, ministrada por Vilma Dias, enfermeira e diretora de Relações Institucionais e Produtos na AsQ e pela médica Carla Biagioni, diretora técnica na AsQ.

Modelo é referência nos EUA

Bastante utilizadas nos Estados Unidos, as ACOs procuram estabelecer uma parceria entre financiadores da saúde e prestadores de serviços, tornando-os mutuamente responsáveis para alcançar os melhores resultados dentro da organização dos serviços.

No Brasil o modelo ainda não foi adotado, porém, a AsQ tem estudado para a implantação do sistema.

“Nós da AsQ temos nos dedicado muito a estudar ACO. Já fomos aos EUA para entender o modelo, mas como ele é feito lá, nem tudo se aplica aqui. É preciso tropicalizar este modelo e estamos trabalhando para isto”, ressaltou Vilma Dias, diretora de Relações Institucionais e Produtos na AsQ. Segundo ela, foi contratada uma consultoria americana especializada para apoiar o projeto da empresa no Brasil e já há projetos pilotos em Santa Catarina e São Paulo.

Valor em saúde

Para a médica Carla Biagioni, diretora técnica na AsQ, existem pilares importantes dentro de uma ACO para que se mude o jeito de entregar saúde para o beneficiário final. Ela ressalta que dentro de uma ACO, a Atenção à Saúde Baseada em Valor (Valued Based Health Care ou VBHC), ou seja, o valor baseado em saúde, é importante para o beneficiário.

“O que faz com que a gente mude o jeito de entregar saúde, é exatamente a integração entre todos os parceiros, acompanhando todo o percurso do paciente. Eu não encaminho o paciente cegamente para alguém que vai atendê-lo, mas eu sei quem atende, eu mensuro o atendimento, e eu acompanho este paciente”, finalizou Carla.

O 12º Seminário UNIDAS ocorrerá nos dias 4 e 5 de agosto com o tema Economia colaborativa. O seminário é um dos principais da saúde suplementar, que trará para o centro do debate os impactos do compartilhamento de comodidades dentro do setor. As inscrições estão abertas e podem ser feitas pelo site: 12seminario.unidas.org.br

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário
Por favor insira seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.