Palestra debate a importância e atuação do terapeuta analítico-comportamental

Um profissional que pode atuar em clínicas e hospitais, em instituições de ensino e no planejamento de práticas culturais. Esse é o terapeuta analítico-comportamental, e a importância desse profissional será debatida, nesta quinta-feira (29), às 19h30, na próxima edição do Webinar Pós UJ. O ciclo de palestras gratuitas realizado pela Unijorge tem o objetivo de compartilhar conhecimento, através de abordagens e discussões de temas relevantes e nomes de referência do mercado. A inscrição gratuita deve ser feita pelo link: www.transformauj.com.br/webinar-pos-uj.

“Um psicólogo analista do comportamento pode atuar onde quer que o comportamento humano ocorra, ou seja, em qualquer interação humana. Ainda temos poucos terapeutas analistas do comportamento se comparado com outras abordagens psicológicas. Por isso, ainda há uma demanda reprimida por este tipo de profissional”, ressalta Rodrigo Guimarães, psicólogo clínico, coordenador e professor do curso de especialização em Terapia Analítico-Comportamental da Unijorge.

Guimarães, que é mestre em Psicologia Experimental: Análise do Comportamento pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP) e ex-diretor da Associação Baiana de Análise do Comportamento, no período de 2017 a 2019 irá mediar o debate. Participam, também, a psicóloga Bruna Colombo, mestre em Psicologia Experimental pela PUC-SP e doutora em Teoria e Pesquisa do Comportamento pela Universidade Federal do Pará (UFPA), com período em Harvard; e o psicólogo Fabrício de Souza, doutor em Psicologia pela Universidade Federal do Espírito Santo (UFES) e professor do Instituto de Psicologia da Universidade Federal da Bahia (UFBA).

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário
Por favor insira seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.