Projeto de alunos de medicina atenderá 2 mil ribeirinhos do Pará

1043

No domingo (22), o projeto Barco da Saúde, organizado por professores e alunos da Faculdade São Leopoldo Mandic, de Campinas (SP), com apoio da Universidade Federal do Oeste do Pará e Prefeitura de Santarém, dará início à expedição que vai levar atendimento médico e odontológico para as comunidades ribeirinhas de Santarém-PA, durante nove dias, de 22 a 31 de julho. O objetivo é prestar atendimento a cerca de duas mil pessoas – entre crianças, adolescentes, adultos e idosos – que vivem às margens dos rios Tapajós, Arapiuns e Amazonas.

A equipe é formada por 37 pessoas, entre eles dentistas e médicos especialistas em clínica geral, oftalmologia, dermatologia, pediatria e ginecologia, além de equipe de enfermagem. Dezesseis alunos de medicina e odontologia também farão parte do grupo.

O barco-hospital Abaré, que navegará pelos rios do Pará, oferece estrutura de atendimento composta por quatro consultórios médicos e um odontológico, além de salas individuais para pequenos procedimentos, como o de coleta de exames, curativos, de observação e suporte básico de vida. Os demais atendimentos serão feitos em escolas e locais disponíveis nas comunidades.

Também serão realizadas palestras e ações coletivas de educação, abordando temas como saúde bucal, prevenção de doenças sexualmente transmissíveis e abuso de droga. A farmacêutica EMS apoia o projeto com doações de medicamentos.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário
Por favor insira seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.