Terapia Nutricional Enteral é tema de curso a distância da Faculdade de Medicina de Petrópolis

Aperfeiçoar estudantes e profissionais na prescrição e no cuidado em Terapia Nutricional Enteral é o objetivo do novo curso a distância da Faculdade Arthur Sá Earp Neto (FMP/Fase), que estará disponível do dia 6 de maio a 9 de junho, no Ambiente Virtual de Aprendizagem da FMP/Fase.

“Um dos diferenciais desse curso de Nutrição Enteral a distância é que os alunos e os profissionais da área de saúde têm a oportunidade de adquirir conhecimentos de acordo com a disponibilidade de tempo, permitindo flexibilidade no aprendizado. Além disso, é financeiramente mais acessível. Os participantes têm a oportunidade de se capacitarem em diferentes áreas do conhecimento, indicado também para os profissionais de nível técnico”, destaca Cristina Gonçalves Hansel, doutora e mestre em Enfermagem, professora da faculdade de Petrópolis (RJ) e uma das coordenadoras do curso EAD.

De acordo com a professora, esse tipo de tratamento, destinado a pacientes que não podem ou não conseguem se alimentar totalmente pela boca, a despeito de contarem com a integridade do aparelho digestivo e receberem a alimentação por meio de um tubo ou sonda flexível, necessita de conhecimentos específicos.

“Esse curso vai permitir que os alunos conheçam melhor essa área que é muito específica, as vias de acesso e os cuidados que devem ter com esse tipo de alimentação, os tipos de dietas e suas respectivas intercorrências, sabendo como lidar com elas. É um ganho de conhecimento significativo para a vida profissional”, diz Cíntia Ramos Pereira Azara, mestre em Nutrição, coordenadora do curso de pós-graduação em Nutrição Clínica Funcional da FMP/Fase e também do curso EAD.

Outras informações e as inscrições, que devem ser feitas até o dia 2 de maio, estão disponíveis no site www.fmpfase.edu.br.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário
Por favor insira seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.