Zimmer Biomet certifica cirurgiões para utilização do robô colaborativo

A Zimmer Biomet, empresa multinacional americana de saúde musculoesquelética, promoveu no dia 4 de junho um evento para certificação de médicos especialistas em cirurgia de joelho, para utilização do robô colaborativo ROSA® Knee. Com tecnologia e uso recentemente aprovados pela ANVISA (Agência Nacional de Vigilância Sanitária), o ROSA® Knee é composto por uma plataforma robótica, com ferramentas de planejamento pré-operatório 3D e dados intraoperatórios em tempo real sobre tecidos moles e anatomia óssea, projetada para otimizar a precisão e a eficiência do planejamento e execução de uma cirurgia de substituição total do joelho.

O treinamento contou com a participação de 10 cirurgiões, membros da diretoria da Sociedade Brasileira de Cirurgia do Joelho (SBCJ), com palestras ministradas pelo Dr. Marco Demange, ortopedista especialista em cirurgia do joelho e professor livre-docente da Faculdade de Medicina da USP (Universidade de São Paulo). “O robô é uma ferramenta de alta precisão muito interessante para o cirurgião, pois traz dados muito relevantes durante o procedimento. Além disso, permite que o cirurgião realize a cirurgia de forma menos agressiva, com segurança e maior acurácia. Com essa tecnologia, temos a possibilidade de reduzir o tamanho das incisões no paciente, o que resulta em um desconforto menor e recuperação mais rápida da musculatura, tornando o pós-operatório muito mais tranquilo, especialmente nas primeiras seis semanas após a cirurgia”, comenta Demange.

Para o Dr. Sérgio Canuto, presidente da SBCJ, o ROSA® Knee superou suas expectativas. “A robótica possibilita ao cirurgião observar alguns detalhes técnicos que a visão humana não permite. Fiquei impressionado com todos os recursos oferecidos pelo robô, pois não é apenas um sistema de navegação, ele proporciona um planejamento que leva a uma precisão excepcional. Essa segurança oferecida no procedimento traz benefícios tanto para o cirurgião como para o paciente. A chegada dessa tecnologia ao Brasil é um marco e vai se tornar uma tendência. Ela representa um grande avanço para a cirurgia de joelho e temos muito a evoluir, com um futuro promissor nesse segmento.”

Presidente da CET (Comissão de Ensino e Treinamento) da SBCJ, Dr. Vitor Barion de Pádua destaca que o país está acompanhando a evolução da medicina. “A cada dia, temos mais recursos para realizarmos cirurgias mais precisas, executando totalmente o que foi planejado. Com o implante de joelho para tratamento de artrose, procuramos aproximar ao máximo o desempenho da articulação natural e o robô auxilia nesse resultado, permitindo que o paciente tenha mais mobilidade, menos dor e melhor qualidade de vida, além de maior durabilidade da prótese. Esperamos poder levar essa tecnologia ao maior número de pacientes possível no Brasil.”

De acordo com os especialistas, a robótica é uma ferramenta extremamente importante para a medicina ortopédica. “O robô colaborativo tem o potencial de revolucionar a forma como vemos a cirurgia de joelho, vem ao encontro do que estamos buscando e nos possibilita ultrapassar fronteiras. Conhecer em detalhes o sistema do ROSA® Knee confirmou o que eu esperava e aumentou minha motivação para utilizá-lo em minha prática clínica. Com ele, temos mais objetividade no procedimento, com informações de intraoperatório que auxiliam o cirurgião e, se bem utilizadas, aumentam o sucesso e durabilidade do procedimento”, afirma o Dr. Alan Mozella, Chefe do Centro de Cirurgia do Joelho do Instituto Nacional de Traumatologia e Ortopedia (INTO), no Rio de Janeiro (RJ).

Dr. Aloísio Carneiro, diretor da SBCJ e coordenador do Serviço de Residência do Hospital São Rafael, em Salvador (BA), também reforça que a cirurgia assistida por robô oferece inúmeras possibilidades para planejamento e correção de parâmetros, aumentando a qualidade dos resultados. “A tendência é que a robótica se desenvolva e se adapte para outras cirurgias ortopédicas, proporcionando uma melhor evolução funcional no pós-operatório e acelerando a reabilitação do paciente. O ROSA® Knee me surpreendeu positivamente com todos os seus recursos e nossos médicos estão preparados para atuar com essa nova tecnologia, com grande potencial para a evolução da ortopedia no país.”

Para a Zimmer Biomet, a certificação desse seleto grupo de especialistas é um importante passo para que a empresa cumpra sua missão com os pacientes no Brasil, oferecendo soluções em parceria com as equipes médicas. “Como entidade de classe, a SBCJ é formadora de opinião e, por intermédio dos representantes que participaram do nosso evento, podemos transmitir informações essenciais sobre o conceito e benefícios do ROSA® Knee a profissionais de todo o país. Conhecendo o sistema de forma mais aprofundada, é possível perceber o quanto essa tecnologia vai mudar a cirurgia ortopédica e entregar valor aos pacientes. A robótica veio para ficar, oferecendo mais eficiência aos procedimentos, com maior precisão, e impactando de forma positiva a população. Considerando o aumento da expectativa de vida do brasileiro, é possível chegar à longevidade com mais mobilidade e melhor qualidade de vida”, destaca Leonardo Moraes, General Manager da Zimmer Biomet Brasil.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário
Por favor insira seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.