Farmacêuticas levam informação sobre combate à resistência bacteriana a hospitais do Brasil

As farmacêuticas MSD Brasil e União Química firmaram, nesta semana, uma parceria científico-promocional com o objetivo de levar informações sobre o uso adequado e consciente de antibióticos para o combate à resistência bacteriana a mais de 3 mil hospitais de todo o país.

O assunto vem sendo discutido mundialmente, já que é um tema de saúde pública. Estima-se que 700 mil pessoas morram anualmente em todo o mundo devido ao fenômeno. Dados divulgados recentemente revelam que, se nada for feito, até 2050 as infecções por bactérias multirresistentes poderão matar 10 milhões de pessoas no mundo por ano, impacto maior que a mortalidade por câncer.

“Esta cooperação entre duas farmacêuticas é extremamente relevante quando pensamos em acesso à saúde e educação médica, pois o uso consciente de antibióticos é uma questão de saúde pública que envolve a atuação de diversas esferas da sociedade, desde a população em geral até profissionais da saúde e indústria farmacêutica”, ressalta Dra. Marina Della Negra, Diretora Médica da MSD.

De acordo com o Vagner Nogueira, Vice Presidente Comercial da União Química, a parceria é um esforço integrado em prol do conceito de Saúde Única e ampliação do conhecimento científico e técnico para utilização dos antibióticos nos hospitais. “Queremos compartilhar nosso conhecimento técnico e científico com a comunidade médica, que está na linha de frente com os pacientes. Essa cooperação é essencial para conseguirmos chamar a atenção para esse assunto, que é tão importante para toda a sociedade”, comenta Vagner.

Referências:

1- O’Neill J e cols. Tackling a crisis for the health and wealth of nations. 2014.

2- O’Neill J e cols. Tackling Drug-Resistant Infections Globally: final report and recommendations. 2016.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário
Por favor insira seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.