Sociedade Brasileira de Oncologia Clínica recomenda manutenção de máscaras para pacientes oncológicos

Diversas regiões do Brasil têm flexibilizado o uso de máscaras. Algumas aboliram a obrigatoriedade da proteção em locais abertos, como São Paulo, e outras também em espaços fechados, como Rio de Janeiro e Brasília.

A Sociedade Brasileira de Oncologia Clínica (SBOC) recomenda que pacientes oncológicos permaneçam utilizando máscaras em todos os ambientes, além de prosseguirem com os demais protocolos de proteção, como evitar aglomeração, higienizar constantemente as mãos e vacinar-se, de acordo com acompanhamento do médico oncologista.

“Embora os parâmetros epidemiológicos demonstrem tendência de redução nas transmissões de Covid-19, as pessoas imunossuprimidas, como é o caso de muitos pacientes com câncer, devem manter o uso da máscara”, diz o presidente da SBOC, Dr. Paulo Hoff.

A SBOC defende ainda a permanência do uso de máscaras em ambientes fechados, como hospitais e transportes públicos, a todas as pessoas. A entidade também recomenda que estados e municípios monitorem continuamente as taxas de contágio e de imunização de adultos e crianças a fim de rever políticas públicas de saúde, sempre que necessário.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário
Por favor insira seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.